Empregados ficam com prejuízo
A famosa companhia entretenimento faliu frente a crise da pandemia do coronavírus, mas corre para salvar interesses de investidores, quando 3,5 trabalhadores ficaram sem empregos.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Cirque du Soleil - 1
Cirque du Soleil maior companhia circense do mundo. | Foto por: reprodução/divulgação.

A empresa sediada em Montreal, Canadá divulgou a situação de falência e a entrada no processo de recuperação judicial para permitir um acordo com seus credores.

Nos últimos meses a companhia já havia demitido cerca de 3,5 mil funcionários por ter tido o cancelamento de suas apresentações por conta da pandemia do coronavírus. Anunciou também um acordo com acionistas da Ivestssement Quebec para renegociar suas dívidas e receber investimentos da ordem de 300 milhões de dólares, sendo 20 milhões destinados a pagar débitos trabalhistas.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas