Ciro Gomes prefere a morte do que votar no PT contra Bolsonaro em eventual 2º turno

Pre-candidate for Brazil's Presidency Ciro Gomes attends a general meeting of the National Front of Mayors in Niteroi

Da redação – O candidato abutre do PDT, Ciro Gomes, demagógico que só ele, inicialmente declarando que sequestraria o ex-presidente Lula caso os golpistas tentassem prendê-lo, deixa claro mais uma vez o golpista que é, ao criticar o PT nesta quarta-feira, 22. Perguntado sobre qual seria sua posição em um eventual segundo turno de Bolsonaro contra o PT, Ciro, funcionário do “Pato da FIESP” desconversou  disse: “Pode morrer?”.

“Olha, a gente está lutando por uma saída que não seja extremista, que não seja demagógica e que não seja mentirosa”, disse o candidato que quer roubar os votos de Lula preso político pelos seus patrões.

Sem citar os nomes dos adversários, pois é um oportunista de marca maior, afirmou ainda: “Vamos deixar o povo resolver.”