Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

No momento em  que o golpe de estado no Brasil se aprofunda, com a intervenção militar no Rio de Janeiro, o presidenciável Ciro Gomes do PDT, que tenta situar sua candidatura no chamado “campo da centro esquerda”, deu mais uma declaração que expressa sua relação intima com a direita brasileira.

Ciro expressou sua opinião em relação a intervenção no Rio de Janeiro, na qual os golpistas no país, sem condição de dar continuidade a administração do golpe, dão mais uma passo para entregar o controle do país aos militares.

Segundo Ciro Gomes, o povo tem que dar todo o apoio ao general interventor, Walter Braga Neto,  com argumentos golpistas de que o governo do Rio de Janeiro merece uma intervenção, e que esse general, é “sério, competente e de elevado espírito público”

Para dar um ar de esquerda em seu apoio ao golpe militar no Rio de Janeiro, Ciro Gomes usa do sofismo de  dizer que a intervenção militar não resolverá o problema de segurança, mas mesmo assim apoia os militares.

Como político burguês que é, tenta agradar os que o acham de esquerda e ao mesmo tempo não se coloca em nenhum momento contra os que de fato estão no controle do golpe e da intervenção militar.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas