Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
ciro gomes
|

Em uma entrevista concedida durante um encontro na Argentina com a vice-presidente do pais, Gabriele Machetti, o candidato abutre mor, Ciro Gomes, mais uma vez entregou o caráter golpista de sua candidatura ao Planalto. Ciro afirmou que trabalhara para realizar uma ampla aliança eleitoral, incluindo ai, inclusive, partidos como o Democratas (DEM) e o Partido Progressista (PP).

O primeiro partido é herdeiro direto da antiga ARENA, partido da ditadura militar, dos militares golpistas, que deram o golpe no pais em 1964 e implementaram um regime de terror contra o povo. Vale destacar ainda que o DEM, assim como o PSDB, é um dos principais representantes do atual golpe de Estado, entre seus quadros estão figuras extremamente direitistas, como o ruralista assassino Ronaldo Caiado. O PP também se inclui entre os partidos golpistas da direita, tendo votado majoritariamente pelo impeachment de Dilma Rousseff.

A declaração de Ciro Gomes mais uma vez escancara o caráter direitista de sua candidatura. As afirmações de Ciro teriam gerado crise até mesmo entre os seus mais recentes aliados, como o PCdoB. Após executar uma manobra lançando a candidatura de Manuela D ‘Ávillla, o PCdoB já se organiza para retirar a sua própria candidatura e apoiar a candidatura de Ciro Gomes.

Apesar de toda a discurseira esquerdista, o que Ciro Gomes quer mesmo é ser um queridinho da direita, buscando uma aproximação com setores que colaboraram e colaboram diretamente com o golpe de Estado, que persegue e retira direitos de todo o povo. Ciro já havia dado indícios de que trabalhava para ser um dos possíveis candidatos do golpe, ao fazer declarações de amor a Benjamin Steinbruch, representante da golpista Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), e também já ter declarado que não considera Lula um preso politico, além de ter criticado abertamente a persistência do petista em manter a sua própria candidatura.

Ciro parte para o ataque contra Lula, ao mesmo tempo que se alia cada vez mais com os golpistas. É preciso ter claro de que Ciro é cada vez mais um candidato da direita, é preciso ter clara sua manobra, apesar da tentativa de determinados setores de apresentar a candidatura de Ciro Gomes como uma candidatura de esquerda.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas