São Paulo
Relatório demonstra que Bruno Covas investiu somente 7,4% dos valores estabelecidos no Plano de Metas para 2019 e 2020 com políticas para os moradores de rua na capital paulista.

Por: Redação do Diário Causa Operária

Conforme relatório divulgado sobre a administração de Bruno Covas (PSDB), a Prefeitura de São Paulo gastou R$ 1,6 milhão dos R$ 21,8 milhões previstos no Plano de Metas para moradores de rua dos anos de 2019 e 2020. Isso corresponde a 7,4% do total estabelecido.

A pandemia do coronavírus, que atinge com força a população de rua, não fez com que os investimentos subissem. Pelo contrário, os valores e mantiveram em patamares inferiores antes e durante a pandemia. O Censo da cidade de São Paulo revela que existem mais de 24 mil moradores de rua na maior metrópole da América do Sul.

O abandono da população pobre à mercê da doença e da miséria demonstra, uma vez mais, o caráter da política dos tucanos.

 

Send this to a friend