Frente ampla contra PT
Cid Gomes declara o apoio fiel do PdT aos partidos da direita golpista tradicional, bem como indica o plano nefasto da burguesia para unir a esquerda para desmontar Lula e o PT.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
WhatsApp Image 2020-12-01 at 21.17.25
Irmãos, Cid e Ciro Gomes que foram do PSB, defendem o partido como seu principal aliado | Foto: Reprodução

A família Gomes, como conduta natural do PDT, partido que cada vez mais transforma-se em direita tradicional, implora para que o PT não lance candidatura para presidência em 2022. O senador do Ceará Cid Gomes deixou bem claro que uma candidatura do PT, em especial de Lula, iria turbinar o “antagonismo muito forte no Brasil”, bem como fechar espaço para “um governo no campo progressista.”. Pois bem, realmente a polarização seria uma ameaça para os partidos golpistas e seus aliados da pseudo esquerda, como é o caso do PdT, finalmente, a fala de Cid apenas demonstra o objetivo da burguesia de conjunto e sua dedicação para cumpri-lo: tirar o PT e Lula da jogada, e reviver os candidatos da direita e do fascismo pela confusão da frente ampla.

“Para mim, é muito claro que o PT tem hoje um antagonismo muito forte no Brasil e devia seguir o exemplo da Argentina . É hora de dar um passo para trás para que pelo menos se tenha um governo no campo progressista. Se eles tiverem essa posição de serem os protagonistas, vão sofrer de novo”. Como afirmou Cid Gomes, irmão de Ciro Gomes, que pretende se candidatar em 2022.

Antes de mais nada, é importante relembrar aqui que o exemplo argentino aplaudido por Cid Gomes, nada mais foi do que uma tentativa de se fazer demagogia com a classe trabalhadora no intuito de evitar uma explosão popular. Prova disso, é que a verdadeira líder da esquerda no País, Cristina Kirchner, foi jogada de lado apenas na posição de vice-presidente para, ao menos, interromper a enorme mobilização que se organizava. O governo ficou nas mãos de Alberto Fernandez, que está atualmente levando uma política semelhante à de Macri, comprometido para pagar a dívida externa e negociar com o FMI enquanto a população está jogada na miséria.

É exatamente nesse sentido que a burguesia levanta o nome de Ciro, Haddad, Boulos, Dino, para acabar com o PT, e impedir que Lula seja candidato em 2022. Um bom exemplo é o que ocorreu em São Paulo, onde a burguesia torceu o rabo para tentar alavancar Boulos e o PSOL a nível nacional, seja com a fraude nas urnas, ou com a campanha intensa da imprensa golpista à favor do PSOL para tomar o lugar do PT.

No Recife, como reforçou Cid Gomes, o PDT chegou, inclusive a apoiar o PSB contra o PT para prefeitura, o que também exemplifica seu caráter excessivamente direitista na frente ampla contra o PT. “A capital mais importante para o PSB, não tenho dúvida que é o Recife, e lá o PT tem um projeto antagônico ao PSB e nós estamos do lado do PSB.”

Nas eleições, a esquerda pequeno burguesa se empregou a entregar legendas para a direita e a realizar todo tipo de aliança vigarista e imperecível com os partidos protagonistas do golpe e da destruição do País. Tudo isso mostra que trata-se de uma esquerda totalmente oportunista, dominada por interesses pequeno burgueses na luta por cargos eleitorais. Em contraposição, Lula, que advém da classe operária, bem como as bases sindicais e populares do PT não permitem que o partido ceda com tanta facilidade às migalhas da direita. Assim, também para evitar uma grande organização dos trabalhadores, é necessário acabar com Lula e seu poder de mobilização popular. 

Por isso, a burguesia ao mesmo tempo em que avança diretamente com o fascismo no País, ela  impulsiona a frente ampla – aliança entre a classe trabalhadora e a burguesia – para conter a efervescência do povo e tentar reviver a direita tradicional. Nesse âmbito, o PDT segue com firmeza tal planejamento, e não tem vergonha de afirmar sua amizade com a direita.

“Eu acho muito razoável que o PDT e o PSDB estejam do mesmo lado, o lado da democracia, defendendo um Parlamento independente, que não seja um puxadinho do Executivo e nem que seja reeditado um novo Eduardo Cunha para presidir a Câmara.” como enfatizou Cid Gomes.

Jurando fidelidade ao DEM, apesar de não ter apoiado o partido no Rio, como uma boa cadelinha que implora por ração, Cid colocou: “A eleição municipal tem características muito restritas ao município. Somos o vice, apoiamos no primeiro turno e foi vitorioso o candidato do DEM em Salvador, que é a cidade do presidente nacional do partido. Temos uma boa relação com o ACM, temos uma boa relação com Rodrigo Maia.”

Além disso, o senador também disse: “Na exceção dos que estavam contra a aliança com o PDT (Republicanos), todos os outros, DEM, PP, PL, são todos nossos aliados aqui. Defendemos o projeto centro-progressista , que promove a democracia, um valor que tem sofrido atentado no momento.”

Nesses casos, não é simplesmente uma demagogia para enganar o povo, e sim, uma manobra  escancarada para fortalecer os partidos assassinos da direita, que já não possuem mais nenhuma alternativa popular para vencer as eleições. deste modo, o Pdt, junto com o PSB, e ainda com os “esquerdistas” do PSOL e do PCdoB, articula uma aliança nacional com a direita para trair a classe trabalhadora e destruir suas organizações democráticas, fortemente ligadas a Lula e ao PT. As colocações não são meras opiniões de Cid Gomes, mas sim da burguesia de conjunto, pois Cid e Ciro se revelam representantes da burguesia. Além de participarem da Oligarquia cearense, são aliados dos golpistas e agora promovem tal programa suicida para a esquerda nacional. 

A classe trabalhadora não pode se enganar com os golpistas, muito menos, com seus aliados que se transvestem de esquerda! É preciso unir a esquerda em torno de Lula candidato, por uma grande mobilização da classe trabalhadora para derrubar Bolsonaro, os golpistas e expulsar o imperialismo do nosso País.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas