China detém poderosa arma econômica contra os Estados Unidos

6b766a22-2776-11e8-b567-adb1113855b0_4000x1584_215839

Da redação – A economia estadunidense está em maus lençóis, e desde que Washington declarou guerra econômica contra alguns de seus inimigos no oriente, estes têm respondido à altura.

A China detém um pacote de títulos americanos no valor de 1,4 trilhão de dólares, é a maior detentora da dívida americana. O Japão, que era o segundo maior, desde o início do ano começou a vender parte dos títulos; Rússia e Turquia também estão se desfazendo rapidamente das partes que possuem.

A Rússia, que detinha US$100 bilhões em títulos americanos no início do ano, até o momento já vendeu cerca de 85% de sua carteira, e a Turquia vendeu o equivalente de U$ 4 bilhões.

A China por outro lado tem cerca de 20% dos títulos americanos na mão de estrangeiros, logo qualquer movimentação vindo da parte da China tem um impacto significante para o dólar americano, se ela decidir vender tudo de uma vez o valor dessas ações cairá drasticamente o que será um duríssimo golpe para a já enferma economia norte-americana.

O imperialismo americano está perdendo recursos rapidamente, e a própria instabilidade da política nos Estados Unidos está impedindo-os de se reerguerem rapidamente.