China denuncia EUA: “faca em seu pescoço”

5417P13T2

Da redação – A principal autoridade chinesa (sênior) afirmou nesta terça-feira (25) que os EUA estão ameaçando frontalmente a economia do país, que, possivelmente pensava em manter negociações comerciais, mas que, com as medidas protecionistas de Trump, com a típica guerra econômica imperialista, colocam “uma faca no pescoço da China”, com “ameaças e pressão”.

A declaração veio um dia depois de ambos os lados adotarem novas tarifas sobre os produtos um do outro. Pequim não vê como manter relações dessa forma.

As tarifas dos EUA foram feitas sobre US$ 200 bilhões em produtos chineses, bem como nas taxas retaliatórias de Pequim sobre US$ 60 bilhões em produtos norte-americanos e entraram em vigência nesta segunda-feira (24), causando grande tensão de guerra econômica.