Menu da Rede

Coronavírus

Casos de Covid-19 nas prisões aumentam 100% em 1 mês

São 13.778 casos confirmados de contaminação pelo coronavírus e 136 mortes no sistema prisional brasileiro. O DF está em primeiro lugar no número de infecções.

Tempo de Leitura: < 1

Superlotação no sistema prisional brasileiro. – Christiano Antonucci – PTC Photo Metadata.

Publicidade

Até esta quarta-feira (22), haviam sido registrados 13.778 casos confirmados de contaminação pelo coronavírus no sistema prisional brasileiro. De acordo com dados divulgados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o aumento foi de 100% no período de 30 dias. As mortes somam 136.

Entre os servidores do sistema prisional, são 5.113 casos confirmados e  65 mortes. Em relação aos presos, são 8.665 casos e 71 mortes.

O sistema prisional do Distrito Federal registrou o maior número de casos, com 1.620 infecções e três mortes. Em seguida vem o Pernambuco, com  1.033 casos confirmados e seis mortes.

Em todo o país foram realizados 18.607 testes nos presos e 19.132 nos servidores do sistema prisional. O número total de presos no Brasil ultrapassa a marca de 700 mil. No sistema socioeducativo, há registros de 2.356 casos e 16 mortes.

O alto número de infecções e baixo índice de testagem no sistema prisional comprova a política da burguesia, que é a de deixar os presos morrerem para aliviar a superlotação do sistema. A ideia é promover o massacre e se esquivar da responsabilidade.

 

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Populares na Rede
[wpp range="last24h" limit="3"]
NA COTV

A Frente Popular na França, por Rui Costa Pimenta - Universidade Marxista nº 409

101 Visualizações 112 minutos Atrás

Watch Now

Send this to a friend