Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
carrefour
|

A rede de supermercados Carrefour teve que limitar suas unidades situadas no DF a restringirem 5 unidades de cada produto por cliente. A rede está tentando fazer contato com produtores locais para resolver a questão do abastecimento. Os principais produtos que estão ficando cada vez mais limitados são: frutas, verduras, legumes e carnes.

Outras empresas de supermercados no DF tiveram que recorrer a transporte aéreo para abastecer setor setores, como foi o caso da rede Uêda que trouxer 600 quilos de pescado alagoano pela via aérea.

O Ceasa de Brasília, que a principal fonte de alimento da capital brasileira, teve que aumentar o preço do saco de batata em 650%, elevando o preço a 300 R$, o que aconteceu com o tomate também que está custando 250 R$ por caixa.

Segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), metade da produção de carne suína e aviária está parada, já são mais 78 frigoríficos parados no Brasil inteiro.

A greve dos caminhoneiros está afetando vários setores e deve receber todo apoio da esquerda, não podemos deixar que a direita tome o protagonismo. Embora um setor enorme dos caminhoneiros tenha sido contra o governo Dilma, a greve em si é um reflexo da crise econômica brasileira que é uma consequência do golpe dado pela direita, logo cabe a esquerda apresentar uma política concreta e um direcionamento para esse setor revoltado com o golpe.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas