Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
fronteira
|

Da redação – A pedido do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, a fronteira de Roraima com a Venezuela, fechada a pedido da governadora despótica do estado, Suely Campos, foi reaberta. A informação foi confirmada pela 1ª Vara Federal de Roraima, que, segundo direcionamento da delegacia da Polícia Federal em Pacaraima, cuida do retomada normalidade desde às 10h de hoje.

A 1ª Vara Federal informou que a decisão do TRF-1 foi recebida pela manhã, endereçada ao juiz federal Helder Girão Barreto, responsável pela liminar que determinou o fechamento da fronteira, sob a justificativa de impedir a entrada de imigrantes sem documento e impedindo o atendimento dos mesmos.

A decisão segue a deliberação do recurso da Advocacia-Geral da União (AGU), que recorreu ainda ontem, dia 6, após a ministra Rosa Weber encaminhar sobre a inconstitucionalidade do impedimento. A AGU informou em nota que o TRF-1 reconheceu “grave violação às ordens pública e jurídica”, e que a suspensão da entrada de imigrantes contraria o objetivo principal da ação ajuizada pelo Ministério Público Federal e pela Defensoria Pública da União.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas