Ataque aos trabalhadores
A empresa já havia sido condenada em 2017, mas recorreu na justiça
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
bk
Burger King Brasil | Foto: Divulgação

O Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região (TRT-15), determinou o pagamento de R$ 1 milhão ao Burger King Brasil, por praticar jornada abusiva de trabalho aos seus funcionários. A empresa tem 5 dias após a decisão para efetuar o pagamento.

A empresa já havia sido condenada pela justiça de Araraquara pelo mesmo motivo, porém recorreu da sentença. Dessa vez o TRT manteve a condenação. De acordo com o Ministério Público, os empregados da rede em Araraquara chegavam a cumprir de sete a oito horas extras por dia.

O inquérito também aponta que Burger King suprimia o descanso semanal remunerado dos trabalhadores, que eram obrigados a trabalhar numa frequência de sete ou mais dias consecutivos sem folga.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas