Coronavírus
A pandemia continua se expandindo pelo país. Nas últimas 24 horas, foram registrados 456 novas mortes.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Coronavirus around blood cells
Ilustração do coronavírus (SARS-CoV-2). | Radoslav Zilinsky | Crédito: Getty Images

O Brasil registrou 456 novos óbitos em virtude de infecção pelo coronavírus nas últimas 24 horas.  No total, são 126. 686 mortes desde o início da pandemia e mais de 4 milhões de casos confirmados.

É de se destacar a operação da burguesia de ocultar a expansão do vírus e manipular os dados, de forma a passar a impressão de que a situação está caminhando rumo à normalidade. Contudo, são registraram dezenas de milhares de novas infecções diárias e mortes em escala massiva. O interesse da burguesia é a retomada total das atividades econômicas, com o intuito de preservar seus negócios. Os bancos pressionam pela reabertura total e aprovam a política de Bolsonaro de “deixar morrer quem tiver que morrer”.

A subnotificação dos dados é uma realidade no país.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas