Brasil ganha fácil e segue para 8° de final da Copa do Mundo na Rússia

neymar e servio

Mesmo tendo sido roubado pelos juízes nos dois primeiros jogos da Copa do Mundo da Rússia,  a seleção brasileira entrou em campo nesta quarta-feira (27-06) para jogar contra a seleção da Sérvia, precisando apenas de um simples empate para seguir adiante na competição.

E logo nos primeiros momentos de jogo era nítido a superioridade técnica do selecionado brasileiro. Mesmo tendo que substituir o melhor lateral esquerdo do Mundo, Marcelo, por contusão, o Brasil foi soberano o primeiro tempo inteiro.

Com jogadas ofensivas construídas por Neymar, Philippe Coutinho e Gabriel de Jesus, a seleção não demorou para fazer seu primeiro gol, em lançamento de Philippe, Paulinho entrou por trás da zaga e na saída do goleiro sérvio, encobriu o goleiro, fazendo um golaço.

Apesar da pressão brasileira sobre a seleção da Sérvia, o primeiro tempo terminou apenas em 1 a zero para o Brasil.

No segundo tempo, com mais tranquilidade, e toque de bola, o Brasil foi cozinhando o time Sérvio e abusando de excesso de preciosismo para finalizar ao gol, perdendo várias oportunidades de ampliar o placar.

Somente através de um escanteio. cobrado por Neymar, que não é a jogada  forte da seleção brasileira que saiu o segundo gol, em um cabeceio perfeito do nosso zagueirão Tiago Silva, que fez questão de abraçar Neymar, mostrando que a imprensa golpista no Brasil mentiu a semana inteira com a conversa de que os dois haviam brigados, discutidos entre si.

O jogo do Brasil e  Sérvia não exigiu muito da seleção, levando o técnico Tite fazer mais duas substituições, uma tirando Paulinho para entrar Fernandinho, reforçando mais o aspecto defensivo, e por fim tirando Philippe Coutinho para entrada de Renato Augusto, que mostrava cansaço no jogo.

Agora, a próxima tarefa da seleção brasileira é enfrentar a seleção do México, que se classificou em segundo lugar em seu grupo, perdendo seu último jogo para a seleção da Suécia que irá enfrentar a Suíça.

O Brasil terá mais quatro dias para recuperar os jogadores lesionados e se preparar para enfrentar o México, mas dessa vez a imprensa brasileira “coxinha” que cornetou a seleção brasileira nos últimos jogos de forma implacável está sem ação para atacar os jogadores brasileiros, principalmente Neymar, que apesar de não ter feito nenhum gol no jogo, fez uma partida impecável. E para trazer o Hexa, a seleção só precisa se preocupar com as mutretas fora do campo, como por exemplo o 12° jogador europeu e artilheiro da Copa, o VAR (árbitro de vídeo) da FIFA controlado por um representante da UEFA.

Mas a exemplo do golpe de estado no país, a seleção terá que enfrentar todos, principalmente os juízes e caminha para ganhar a Copa no campo e na marra.