Menu da Rede

Anterior
Próximo

Espoliação do patrimônio

Bolsonaro vende parque eólico por menos de 20% do valor investido

Em licitação no último dia 30, o governo Bolsonaro vendeu o controle da Eletrobrás no Complexo do Campos Neutrais-RS deixando um prejuízo bilionário ao Estado.

Tempo de Leitura: < 1

Complexo Eólico Campos Neutrais-RS, maior parque eólico da AL, entre Santa Maria do Palmar e Chuí. – Foto por: reprodução.

Publicidade

No último dia 30 de julho, o governo Bolsonaro vendeu o Complexo Eólico Campos Neutrais, localizado no extremo sul do Rio Grande do Sul, por 500 milhões de reais, o que representa cerca de 17% do valor gasto pela Eletrobrás para construir o complexo de parques eólicos, investimento que passou dos 3,1 bilhões de reais finalizado em 2011.

O complexo, construído e administrado pela Eletrobrás, é o maior da América Latina com capacidade instalada de 583 MW de geração elétrica e se estende entre os municípios de Santa Vitória do Palmar e Chuí.

O “negócio” ficou ainda mais escandaloso após denúncia feita pelo Sindicato dos Engenheiros do Rio Grande do Sul (SENGE) que destacou o lucro líquido do complexo em 2017 de R$ 345 milhões, ou seja, o que pagaria a “compra” do parque pela vencedora da licitação em menos de 2 anos, deixando o prejuízo bilionário da construção para o governo federal.

O SENGE apresentou denúncia ao Ministério Público contra a venda do complexo ainda em 2018, bem como apresentou nota técnica ao MP e à câmara de vereadores das cidades com diversos argumentos contra a privatização. O sindicato destacou também a venda feita durante a pandemia, num momento que não é possível fazer um debate amplo com a sociedade e diversos grupos afetados.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Populares na Rede
[wpp range="last24h" limit="3"]
NA COTV

Realismo Socialista x Vanguardas: qual a posição dos marxistas. Uzwela, Conversa sobre Cultura 15/06

46 Visualizações 43 minutos Atrás

Watch Now

Send this to a friend