Bolsonaro e Globo têm o mesmo programa

bolzo

Nesta terça-feira (28), o candidato à presidente da República e atual deputado federal, Jair Messias Bolsonaro, foi entrevistado pela Rede Globo. O esquema foi tradicional, o mesmo que foi usado contra Ciro Gomes. Ficaram falando por cima, mudando de assunto, fazendo perguntas maliciosas e assim por diante. Parte da esquerda está comemorando a “lacração” da reporte golpista, Renata Vasconcellos, que disse que nunca aceitaria ser paga menos que um homem para um cargo da mesma função, quando Bolsonaro retrucou a pergunta dos golpistas sobre sua defesa de um salário inferior para as mulheres dizendo que Bonner ganhava mais que ela.

Entretanto, o que é importante ressaltar é que a Globo e Bolsonaro têm a mesma política; Bolsonaro foi atacado simplesmente por não ser o candidato principal dos golpistas . Muita gente pode estar acreditando na demagogia da Globo de que eles defendem a mulher e de que as mulheres recebem o mesmo salário por funçòes iguais (o que seria muito ingênuo já que a Globo responde por diversos processos por ter desrespeitado os direitos trabalhistas), mas a verdade é que tanto a Globo quanto Bolsonaro são uma ameaça para o direito das mulheres. Ambos são golpistas, reacionários e apoiam as mesmas políticas direitistas anti-populares. A diferença é que a Globo passa maquiagem, e Bolsonaro não.

Quando perguntado sobre a ditadura militar, Bolsonaro apoiou e ainda disse ao vivo na rede globo que a emissora também apoiou. Mas assim como Bolsonaro, a Globo também apoia a intervenção militar, as privatizações, as reformas golpistas, a entrega do patrimônio nacional e assim por diante. Portanto, é preciso denunciar que toda essa política “esquerdista” da rede Globo não passa de um verniz para poder levar a diante a política de manipulação e ataques à população.