Menu da Rede

Capacho imperialista

Bolsonaro ameaça sair da OMS sob ordens de Trump

Está atitude deve isolar o país no que se refere à vacinas e tratamentos para salvar o povo trabalhador

Tempo de Leitura: < 1

Encontro do chefe e do capacho – Foto: JIM WATSON / AFP

Publicidade

O presidente golpista Jair Bolsononaro (sem partido), seguindo as ordens do seu chefe, Donald Trump, ameaçou deixar a Organização Mundial da Saúde caso a mesma não mudasse de posição sobre suas críticas “ideológicas ao governo capacho do imperialismo.

A crítica foi recebida na diplomacia internacional como uma tentativa deliberada do governo brasileiro de desviar a atenção e se eximir da responsabilidade pelas mortes no país por conta da COVID-19, tal como fez Trump antes de sair definitivamente, culpando a China pela pandemia.

Está atitude deve isolar o país no que se refere à vacinas e tratamentos para salvar o povo trabalhador. Um crime.

Assim, o governo brasileiro demonstra enquanto está submisso aos EUA em todas as áreas da sociedade. O plano de matar o povo pobre, esconder os dados oficiais, atacar os vizinhos continentais, implementando uma ditadura imperialista, segue a todo vapor e só será parado por mobilizações de massas em todos os países.

 

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Mais Lidas
[wpp range="last24h" limit="3"]
NA COTT

Clima de radicalização agita o Peru - O Mundo em 1 Hora (Reprise)

247 Visualizações 100 minutos Atrás

Watch Now

Send this to a friend