Siga o DCO nas redes sociais

Bolsonaro acusa professores de “doutrinação”
30/05/2019 Presidente Jair Bolsonaro no Programa The Noite do SB
30/05/2019 Presidente Jair Bolsonaro no Programa The Noite do SB

Com apenas cinco meses de governo, o ilegítimo presidente Jair Bolsonaro atacou os professores após duas manifestações em maio contra o seu mandato e pedindo o Fora Bolsonaro.

Em entrevista que foi ao ar no dia 31 de maio, no programa de seu fiel apoiador, Danilo Gentilli, atacou os docentes e estudantes dizendo aqueles são “doutrinadores” e estes “inocentes úteis”. O canal do Silvio Santos, mais uma vez dando uma “ajudinha” ao governo Bolsonaro.

Vale lembrar que o primeiro ato, o do dia 15, foi chamado primeiramente pela CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação) e depois encampado pelos estudantes da UNE, APEOESP, e por diversos setores da classe trabalhadora.

A população, e não apenas os trabalhadores da educação, já entendeu que apenas com o Fora Bolsonaro é que é possível barrar todos os retrocessos desse governo inimigo do povo pobre e da classe operária.

Setores amplos da esquerda pequeno-burguesa estão dando sustentação ao governo golpista e fraudulento de Jair Bolsonaro ao não pedir a derrobada desse governo golpista e procurar uma política institucional e de aliança com setores golpistas.

A população e os ativistas devem superar a confusão e paralisia das organizações que não querem chamar o Fora Bolsonaro e colocar um fim nesse governo que é a continuidade do golpe de 2016.

Dias 15 e 30 mostraram o caminho, devemos intensificar as manifestações e construir a partir do 14 de Junho uma greve geral por tempo indeterminado. Pela liberdade de Lula e eleições gerais.