Especuladores contrariados
Capitalistas do setor financeiro se mostram contrários ao avanço da situação de Lula com a decisão do STF.

Por: Redação do Diário Causa Operária

Minutos após à decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin que anulou todas as condenações contra o ex-presidente Lula, os especuladores do setor financeiro, chamados de “mercado financeiro”, reagiram à decisão, levando à queda do índice da bolsa de valores de São Paulo em 3% e alta do preço do dólar em 1,67% subindo para R$ 5,78.

Segundo os chamados analistas da bolsa, a opinião de setores dos capitalistas financeiros é de que a elegibilidade de Lula, às eleições de 2022, colocaria em risco o andamento da agenda de reformas e aumentando o risco de fim da agenda ajustes fiscais, mais conhecido de “arrocho fiscal” pelos trabalhadores. Política responsável pela falta de investimentos, pelo fim dos programas sociais e negativa de auxílio emergencial entre outros.

Send this to a friend