Tensão na Europa Oriental
Segundo Lukashenko, a Bielorrússia colocou tropas militares na fronteira ocidental em prontidão de combate
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Serge Serebro, Vitebsk Popular News / CC BY-SA (https://creativecommons.org/licenses/by-sa/4.0)
Aleksander Lukashenko | Foto: Serge Serebro, Vitebsk Popular News

Segundo a Sputinik o presidente Bielorrussso Aleksander Lukashenko, afirmou que seu país colocou militares em prontidão de combate na fronteira ocidental. “Estão preparados para cumprir seu dever” afirmou Lukashenko. A Bielorrússia vendo sendo palco de manifestações em oposição ao governo desde o dia 9 de agosto, em que o presidente foi reeleito com 80,1% dos votos. Por sua vez, candidatos rivais a Lukashenko não reconheceram a legitimidade da eleição.

Em relação à situação política em seu país, em particular sobre os movimentos nas ruas de opositores ao governo, “Mais uma vez ressalto: é uma pena que determinadas unidades, particularmente das forças de operações especiais, tivemos de as acionar para pôr ordem dentro do país. Mas isso é uma determinada parcela de nossa população. Não é que ela não entenda [a situação], ela faz isso de propósito.” Essa declaração do presidente foi parte de sua fala durante reunião com membros do Conselho de Segurança da Bielorrússia.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Relacionadas