Banqueiros golpistas do Banco Itaú rebaixam salários através do aumento do plano de saúde dos seus funcionários

Itau Unibanco Holding SA Bank Branches As The Company Postpones Acquisition Of CorpBanc

Os banqueiros parasitas não se cansam de passar a perna, tanto na população em geral, com as altíssimas tarifas bancárias que são um verdadeiro absurdo, quanto nos próprios funcionários da empresa.

Desta vez foi o aumento no plano de saúde dos bancários do Itaú, que passam de 11%, medida essa totalmente unilateral uma vez que o banco impôs o aumento, e ponto.

Com isso o banco Itaú rebaixa os salários dos bancários em 11,54%, que vão direto para a Fundação Saúde Itaú, ou seja, expropriar ainda mais os trabalhadores em benefício dos parasitas do Itaú, e assim aumentar os seus já fabulosos lucros.

No ano passado os banqueiros reajustaram os salários, na campanha salarial da categoria, dos bancários em míseros 1,18% de “aumento”real, isso nos próximos dois anos, reajuste ridículo em comparação ao confisco feito agora com o golpe no plano de saúde.

Os bancários do Banco Itaú vêm sofrendo ao longo dos anos um ataque brutal às suas condições de vida e, especialmente após o golpe de Estado, que já resultou em milhares de demissões, descomissionamentos, arrocho salarial, sobrecarga de trabalho por falta de pessoal aumento do assédio moral, etc.

Os trabalhadores e suas organizações não devem aceitar a política que aprofunda os ataques dos banqueiros e seus governos. Somente uma luta unitária dos trabalhadores bancários com demais trabalhadores pode barrar a ofensiva dos golpistas e o golpe. Fora o governo fraudado de Bolsonaro e todos os golpistas. Liberdade para Lula.