Bando dos Quatro se junta novamente para trair a campanha salarial dos Correios

GREVE DE TRABALHADORES DOS CORREIOS NO RIO DE JANEIRO

A campanha salarial dos trabalhadores dos Correios, que tem data base em agosto, entrou em seu momento de definição.

A direção golpista da ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos) apresentou uma proposta miserável de reajuste salarial de 1,58% , que sequer repõe a expurgada inflação do governo golpista de 2,64%, segundo o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).

Os sindicalistas do Bando dos Quatro (sindicalistas do PT, PCdoB, PSTU e diretoria do Sintect-MG – LPS) que apresentaram para a direção golpista da ECT uma pauta de reivindicação já rebaixada, que não passa de 8% nos salários dos trabalhadores, agora estão dizendo que vão levar os trabalhadores a greve, caso a direção dos Correios não mudem o valor do reajuste.

No entanto, todos sabem que esses sindicalistas nunca levaram a categoria a enfrentar a direção dos Correios até que os trabalhadores conseguissem suas reivindicações, pelo contrário, fazem a encenação no início da campanha salarial, e depois da segunda proposta da ECT e de uma greve sem nenhuma mobilização, apresentam a orientação para os trabalhadores aceitarem as migalhas.

Foi assim no ano passado, na campanha 2017/2018, em que aceitaram um reajuste de 2,07% e ainda que o plano de saúde dos trabalhadores fosse definido pelos ministros golpistas do TST (Tribunal Superior do Trabalho).

Esse ano, depois de entregar o plano de saúde para direção da ECT, o Bando dos Quatro estão marcando assembleia para o dia 07 de agosto, com a promessa de que saíra uma greve contra os ataques da ECT.

Na assembleia do sindicato dos trabalhadores dos Correios de São Paulo, os sindicalistas traidores do PCdoB que controlam a entidade e a usam a federação fantasma (Findect) para dividir a categoria, disseram que irão se reunir com a direção da Fentect (Federação Nacional dos Trabalhadores dos Correios) para organizar a greve.

Isso significa que os maiores traidores da categoria irão colocar a Fentect e todos os trabalhadores a reboque de quem sempre entrega a campanha da categoria.

Para que os trabalhadores dos Correios possam vencer a direção golpista da ECT, em primeiro lugar precisam vencer os sindicalistas do Bando dos Quatro, que querem a todo o custo entregar a campanha salarial nas mãos dos sindicalistas da federação fantasma, que foi criada pela própria direção da ECT.