Golpe na categoria
Diretoria dos Sindicatos dos Bancários da Bahia toca campanha eleitoral para um novo mandato em meio à pandemia e alija a categoria de um importante debate.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
CURITIBA,PR,06.09.2016:GREVE-BANCÁRIOS - Cartazes de greve são colados em fachada de agência bancária em Curitiba (PR), durante a madrugada desta terça-feira (6). Bancários de todo o país entram em greve a partir desta terça-feira (6) por tempo indeterminado, segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf). A paralisação foi aprovada em assembleia na última quinta-feira (1º). (Foto: Joka Madruga/Futura Press/Folhapress)
Categoria deve reivindicar a paralisação das atividades enquanto não houver completa segurança. |

Da redação – A diretoria do sindicato dos bancários da Bahia finalizou no último dia 15/05 o processo de votação para definir a diretoria dos próximos 3 anos de forma virtual, sem a participação de grande parte da categoria, em meio a uma grave crise sanitária por conta da pandemia do coronavírus.

A “eleição” foi tocada pela atual gestão demonstrando uma falta de sensibilidade com as dificuldades enfrentadas pela categoria a qual boa parte dos trabalhadores está preocupada simplesmente com a sua sobrevivência diante do fato de estarem sendo obrigados a trabalhar sem nenhuma segurança nas agências, sem equipamentos de proteção, sem medidas reais de que impeçam a contaminação – como redução de jornada de trabalho, fechamento do atendimento presencial, direcionamento do atendimento para caixas eletrônicos e internet, realização de testes, garantia de atendimento médico etc.

A decisão da atual diretoria é antidemocrática, pois toda campanha eleitoral deve permitir todo um debate com os trabalhadores com os candidatos, ainda que haja somente uma chapa, pois os trabalhadores precisam conhecer as propostas e efetivamente ter subsídio para decidir se querem votar ou não naqueles candidatos. A realização do processo também é oportunista, pois ao invés de entender que não é momento adequado que permita uma ampla campanha e, principalmente, um amplo debate com a categoria, visa atropelar o processo eleitoral e garantir rapidamente mais uma gestão para o grupo que aí está.

As eleições em meio virtual, ao contrário do que a direção propagandeia, aumenta o caráter antidemocrático, intransigente e, principalmente, suprime o processo eleitoral, que exige um trabalho real nas agências, postos de trabalho, de apresentar candidatos e suas propostas e debatê-las, o que de fato não ocorreu, nem em meio virtual.

Outro aspecto importante que demonstra o atropelo do processo é o número de participantes. Segundo o próprio sindicato, votaram cerca de 3.516 trabalhadores. Considerando tratar-se do Sindicato que representa boa parte da categoria do Estado, que tem na sua base cerca de 10 mil bancários, realizar uma atividade com este número demonstra exatamente o distanciamento da direção da base da categoria. O número de trabalhadores também deve ser a referência e não somente os sindicalizados, pois a falta de engajamento dos trabalhadores é reflexo da falta de trabalho de base, de politização e efetividade no atendimento às demandas da categoria por anos à fio.

É preciso deixar claro que para fortalecer o sindicato como instrumento real de luta unificada dos trabalhadores é necessário vencer os bloqueios da burocracia sindical que paralisa o sindicato e a categoria, para retomar o trabalho de estar junto à categoria, de fato, estar presente dia a dia nos locais de trabalho, debatendo, conhecendo e coletando as demandas e denúncias dos trabalhadores, abrindo a sede do sindicato à categoria, realizando atividades que politizem e conduzam à organização da categoria e, principalmente, levando um programa de luta que unifique a categoria e os trabalhadores contra os ataques dos banqueiros, do governo Bolsonaro, da direita.

Neste sentido, os espaços virtuais têm o seu papel de levar parte das informações, mas ele não pode ser utilizado de maneira indiscriminada e acabar com a atividade real de estar “ombro a ombro” com a categoria.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas