Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

O carnaval desse ano, maior festa popular do País, como não poderia deixar de ser, expressou a imensa revolta popular contra o golpe de Estado. O repúdio aos golpistas foi expresso de maneira mais evidente no desfile da escola de samba Paraíso do Tuiuti do Rio de Janeiro. A agremiação retratou o desmonte da CLT, os patos coxinhas manipulados pela Globo e o vampiro demoníaco golpista Michel Temer. Em outras partes do País, houve manifestações contra os golpistas, vários blocos se colocaram abertamente contra a prisão de Lula, em defesa do ex-presidente que pode ser preso na próxima semana como consequência de uma perseguição política organizada pelo imperialismo. O apoio a Lula foi e a denúncia do golpe foram fatos que ocorreram em toda a parte durante os festejos.

Por outro lado, os golpistas foram completamente escorraçados. Um dos símbolos dos coxinhas, o prefeito de São Paulo, João Doria, após levar um verdadeiro fora do sambista Zeca Pagodinho, foi devidamente escrachado em Salvador, juntamente com ACM Neto, outro golpista. Os foliões jogaram muita água e vaiaram ambos, os quais tiveram que abandonaram o camarote.

As manifestações contra o golpe e o completo repúdio aos direitistas é apenas uma expressão da enorme revolta popular contra o golpe de estado e suas medidas antidemocráticas e antipovo. É necessário não perder o pique e ampliar a mobilização contra os golpistas e contra a prisão de Lula. Multiplicar os comitês e ocupar as ruas contra o golpe.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Relacionadas