Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

O imperialismo, associado aos banqueiros e ao grande capital nacional, os donos do golpe, não dão “ponto sem nó”. Diante da crise que derrete o governo e da impossibilidade de aprovar a “reforma” da Previdência, nesse momento – a maior operação de assalto da população trabalhadora brasileira em toda sua história – resgataram uma série de medidas a serem implementadas pelo executivo e o legislativo no sentido de aprofundar o controle do Estado brasileiro em suas mãos.

Dentre as medidas, encontra-se a autonomia do Banco Central, que significa, na prática, entregar o controle de toda a política monetária e cambial para os banqueiros.

Se hoje os banqueiros já exercem uma profunda influência nas políticas econômicas nos diferentes governos, basta ver os altíssimos lucros sempre crescentes obtidos ano a ano pelo sistema financeiro – próximos a 100 bilhões em 2017 -, com a autonomia do BC, ou melhor, com a privatização do BC para os banqueiros, o país terá na prática um primeiro-ministro banqueiro.

De um ponto de vista econômico, o principal eixo do golpe reside justamente em desmatelar toda a economia nacional e entregá-la nas mãos dos donos do golpe. Diante da crise mundial essa operação de ser feita a toque de caixa. Assim como a autonomia do BC, uma outra medida que demonstra a liquidação do país em proveito dos banqueiros e do grande capital é a tentativa de privatização da Eletrobrás ou melhor a sua doação.

A depender dos golpistas, o Brasil será desmontado. O que vimos até agora não chega a ser nem o preâmbulo do que eles querem fazer com o país. O congelamento do orçamento a saúde e da educação, a lei de terceirização, a destruição da CLT, a entrega do pré-sal, a destruição da indústria nacional como a que foi feita com a construção naval, enfim, todas essas medidas e as consequências que já estão trazendo é “café pequeno” para o que querem fazer com o Brasil.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas