Contra o fascismo
Veja os vídeos selecionados aqui
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Rui no ato em defesa do DCO
Rui Costa Pimenta discursando em ato em defesa do DCO | DCO

Neste sábado, dia oito de agosto de 2020, aconteceu o Ato Nacional contra os ataques fascistas ao Diário Causa Operária (DCO). Centenas de personalidades da esquerda, organizações e imprensas progressistas se solidarizaram com o jornal virtual do Partido da Causa Operária (PCO), que sofreu um grave ataque de hackers que apagaram mais de quatro mil artigos, que correspondem a mais de quatro meses de trabalho de quase 500 pessoas que colaboram com o jornal.

O ato teve início com a saudação do companheiro Henrique Áreas, Secretário Nacional de Agitação e Propaganda do PCO, contando brevemente a história do surgimento da imprensa do partido, desde seu jornal impresso – o mais antigo da esquerda nacional – que está em circulação até hoje com novas edições semanais, até a construção da Causa Operária TV que possui atualmente uma transmissão 24 horas por dia. O companheiro deu também um relato do acontecimento recente da invasão do jornal virtual, que deu motivo ao importante ato.

Em seguida, a companheira Larissa Machado, apresentou algumas das centenas de mensagens enviadas nessa corrente de luta da esquerda contra o fascismo e de solidariedade ao DCO enviadas por companheiros de todo o país e do exterior, dando destaque a manifestação do Partido Comunista da Finlândia (SKP), Boston Revolutionary Socialist (EUA), Partido Comunista do Uruguai, Parti de Gauche (Partido de Esquerda – França), TMB – Tendência Militante Bolchevique (Argentina), Senadora comunista da frança Laurence Cohen, Socialist Workers League, entre outros.

Confira o vídeo de apoio do Presidente do Partido Comunista da Finlândia, JP Väisänen 

E da coordenadora do Comitê Fora Bolsonaro de Viena, Elizabeth Novy:


Dando continuidade, o companheiro Juliano Lopes, membro da Direção Nacional do PCO, destacou a importância da campanha em defesa da imprensa operária e apresentou algumas das inúmeras mensagens recebidas de organizações de luta dos trabalhadores. Dentre elas, Executiva Nacional da Central Única dos Trabalhadores (CUT), FUP, Sindipetro, APEOESP, Bancários, SINDSEP, metalúrgicos do ABC, de Joinville e de diversas regiões, Centro de professores do RS, APP (trabalhadores educação PR), etc. 

Em nome de todos os sindicalistas que se posicionaram, o companheiro João Vitor Dauzaker, leu a mensagem do companheiro Vagner Freitas, que presidiu a CUT na luta contra o golpe e ocupa, agora, sua vice-presidência.

Segue a carta na íntegra: 


“Ao Companheiro Antônio Carlos, dirigente nacional do PCO,

Como vice-presidente da CUT e também como companheiro que acompanhado o trabalho de apoio às lutas operárias no Brasil, o que inclui o bom trabalho contra o golpe de Estado de 2016 contra a presidente Dilma Rousseff, e ultimamente a boa campanha pelo impeachment de Bolsonaro e seu governo fascista. Precisamos estar unidos na defesa da liberdade de imprensa, liberdade de comunicação, formação e o direito à diversidade. Hackers de direita invadiram o site do PCO no último dia 18 deste mês, afetando a estrutura do site e destruindo mais de quatro mil artigos. Temos que exigir que os órgãos competentes pertencentes ao Estado brasileiro estejam à serviço da igualdade de direitos e da garantia do respeito às leis. Não calarão o PCO! Não nos calarão! Todo apoio ao jornal Diário da Causa Operária e aos companheiros responsáveis pelo PCO. Juntos somos muitos, Unidos somos fortes. São Paulo, 26 de julho de 2020.

Vagner Freitas

Vice-presidente da CUT “

O companheiro Edson Dorta, trabalhador dos Correios, da Corrente Ecetistas em Luta e membro da Direção Nacional do PCO, fez sua intervenção repudiando a invasão fascista ao diário e ressaltou sua gravidade, mostrando que representa um ataque a história de luta de várias categorias do movimento sindical e de suas denúncias retratadas no jornal. Foi salientada a importância de uma imprensa operária para contrapor as campanhas feitas através da imprensa burguesa pela privatização dos Correios e contra os direitos da classe trabalhadora. Por último, o companheiro também denunciou a invasão da sede do PT de Araras (SP) pela extrema-direita e chamou todas as organizações dos trabalhadores a unir forças para impedir novos ataques à esquerda.

A companheira Bebel, deputada estadual e presidenta da Apeoesp (Sindicato dos Professores do Estado de S. Paulo) também enviou seu vídeo em repúdio ao ataque e de solidariedade a este Diário. Veja:


Durante a campanha, foram enviadas mensagens de solidariedade e o posicionamento de várias organizações de luta dos trabalhadores da cidade e do campo, dos movimentos populares e da juventude como a CMP – Central de Movimentos Populares, DCE’s e CA’s de diversas universidades, torcidas organizadas, associações culturais, artistas e jornalistas.

Como esses dois abaixo:


Uma série de deputados e lideranças políticas também se pronunciaram, destacamos aqui os vídeos de alguns dos companheiros:

Deputado Federal Vicentinho (PT-SP)

Deputada Federal Erika Kokay (PT-DF)

Gilberto Carvalho, ex-ministro do governo de Dilma Rousseff

 

Partidos e organizações políticas importantes da esquerda que se reivindicam da defesa da democracia como PT, PCB, PSTU, PV – Paranaguá, PSB – Secretaria de Movimentos Populares, Esquerda progressista Avante, Corrente Comunista Internacional, Tendência Marxista-Leninista, Frente Comunista dos Trabalhadores, MRT – Movimento revolucionário dos Trabalhadores e FRT também deram suas declarações.

Abaixo, pronunciamentos de alguns dirigentes em solidariedade ao Diário Causa Operária:

Partido Comunista Brasileiro – PCB SP

“Não recuaremos contra o fascismo! O portal Diário da Causa Operária sofreu um grave ataque na semana passada, tendo mais de 4 mil matérias retiradas do ar e sofrendo uma tentativa de retirada total do site do ar, numa clara tentativa de censura e intimidação por parte da extrema direita. A Comissão Política Regional do Partido Comunista Brasileiro do Estado de São Paulo discorda e combate firmemente qualquer tentativa de censura contra organizações populares e de esquerda, que nesse momento tem cumprido um papel importante na resistência e reorganização dos trabalhadores para contra-atacar contra a escalada fascista e de destruição dos direitos sociais e políticos. Também nos solidarizamos com o Partido da Causa Operária, apesar das nossas diferenças, e combateremos qualquer tentativa de intimidação contra organizações populares. Não estamos surpresos, nem subestimamos a limitação da atuação política dentro das redes sociais, pois afinal de contas estão na imensa maioria, nas mãos da burguesia e do imperialismo, porém não vamos naturalizar e abaixar a cabeça para quaisquer ataques desse tipo. É fundamental a reorganização da classe trabalhadora para derrotar o bolsonarismo e todo seu rastro de esgoto fascista, em defesa das liberdades democráticas e na perspectiva de construção do poder popular. Comissão Política Regional – PCB – SP”

Também, em nome da Direção Nacional do Partido dos Trabalhadores, a companheira Gleisi Hoffmann

O encerramento do ato foi marcado pelas intervenções dos ex-presidentes da república Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva e os dirigentes do PCO, Antonio Carlos Silva e Rui Costa Pimenta.

Abaixo, a nota, também na íntegra, da ex-presidenta Dilma Rousseff.

“Aos companheiros Rui da Costa Pimenta, Antônio Carlos e a todos os companheiros e amigos do PCO

Recebam a minha mais calorosa solidariedade neste momento em que enfrentam uma ofensiva criminosa de grupos fascistas que, por meio de hackers, invadiram o site do “Diário da Causa Operária” e destruíram milhares de artigos publicados e arquivados. Em uma conjuntura de ataques flagrantes à democracia, quando foi revelado que o governo de extrema direita está espionando e fichando militantes antifascistas, num ato típico das ditaduras militares, a invasão do site do PCO é mais uma ação grave de violência política e um atentado às liberdades democráticas. É uma ignóbil afronta ao estado democrático de direito. Os fascistas, identificados com o governo ou por ele apoiados, querem calar e destruir a imprensa operária e popular. Tentam impor o discurso único das fake news, muitas das quais, segundo investigação do STF, foram produzidas no interior do Palácio do Planalto pelo chamado “gabinete do ódio”. O PCO sempre esteve fortemente identificado com as causas populares. Tem estado do lado certo da história, como na luta contra o golpe de 2016; na defesa vigorosa, tenaz e irredutível da anulação do impeachment; na defesa da liberdade de Lula e no combate à ascensão da extrema direita. Conta e contará sempre com a minha solidariedade e meu apoio, ainda mais quando está sendo agredido em seu direito democrático de expressão e manifestação. Manifesto minha solidariedade ao companheiro e amigo Rui Costa Pimenta, presidente do PCO e a todos os militantes do partido. Reafirmo a minha confiança de que, unidos e mobilizados, resistiremos ao fascismo que não pode passar. E não passará!

Dilma Rousseff”

O companheiro Antônio Carlos, da direção nacional do PCO, fez sua saudação às centenas de intervenções recebidas em solidariedade ao DCO, categorizando como uma grande tomada de consciência pela esquerda da grave situação enfrentada no Brasil. Em sua colocação, frisou o deslocamento de setores importantes de luta no sentido da mobilização. Como exemplo, citou os atos convocados pelo PT e a CUT chamando todos a levarem suas bandeiras vermelhas, em um momento em que a direita tenta fazê-los baixar, a decisão dos operários da Renault de continuar em greve apesar da posição contrária do sindicato, as manifestações nas fábricas do ABC e da juventude, junto à APEOESP, contra a reabertura das escolas.

Em seguida, o companheiro coloca os votos de que essa campanha seja o primeiro passo para uma unidade efetiva, considerada fundamental, em defesa não só da imprensa do PCO, mas de todas as reivindicações da classe operária. Apresenta também, a fala do ex-presidente Lula (confira abaixo).

Lula, ex-presidente do Brasil

 

O encerramento se deu com a intervenção do presidente nacional do Partido da Causa Operária, Rui Costa Pimenta, salientando a importância da imprensa partidária como um verdadeiro patrimônio político da classe operária brasileira e mundial. Recentemente, dois órgãos da imprensa de esquerda no Brasil (Nocaute e Conversa Afiada) fecharam, mostrando que a construção de uma imprensa não é uma tarefa fácil e exige grande dedicação. O jornal impresso do PCO existe há mais de 40 anos e o DCO é tido como “um filho” dele, tendo em vista que um não existiria sem o outro.

O companheiro saúda todas as manifestações contra o ataque sofrido pelo DCO e dá destaque às intervenções da ex-presidenta Dilma, derrubada pelo golpe e atacada ferozmente pela direita e sua imprensa e do ex-presidente Lula que, segundo ele, possui dupla importância, por ser uma grande personagem política nacional e por expressar em sua condição atual de pessoa prescrita politicamente por várias manobras da direita, que acabam por proibi-lo de disputar a presidência da república mesmo sendo o candidato favorito do povo.

Frisou também a importância da campanha pela diversidade do apoio adquirido, considerando a adesão de partidos com muitas divergências e choques políticos e ideológicos como o PT, PCB e PSTU, reunindo forças numa luta comum a todos, contra os ataques e o avanço do fascismo. Relacionando o momento com a dissolução do comício integralista na Praça da Sé pelos trotskistas, stalinistas e anarquistas em 1934.

Nesse sentido, a campanha em solidariedade ao DCO materializa um dos eixos fundamentais da política revolucionária que é a unidade de amplos setores da classe trabalhadora contra o fascismo e torna-se um ponto de aglutinação em direção a formação de uma frente única anti fascista no país.

Assista a transmissão do ato na íntegra, pela Causa Operária TV: https://www.youtube.com/watch?v=ILogu_6E4dQ

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Relacionadas