Aborto legal
Maternidade pernambucana, referência na interrupção da gravidez nos casos previstos pela Constituição, tem sido sabotada pelo governo federal e atacada pela extrema-direita
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
olimpio
Olímpio Moraes | Foto: Teresa Maia/UOL

O Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam-UPE) tem sido alvo de constantes atacas da direita. Localizado no bairro da Encruzilhada, em Recife, acabou tornando-se um centro de referência na realização do aborto legal no Brasil. Um dos motivos para isso é o fato de que sua direção não é ligada à Secretaria Estadual de Saúde (SES), o que torna a maternidade mais independente. Em entrevista exclusiva à Causa Operária TV, Olímpio Moraes, diretor do Cisam, explicou que essa independência faz com que o Cisam seja sempre lembrado como a opção menos burocrática para o abortamento.

Foi por causa disso que a menina de 10 anos estuprada pelo tio no Espírito Santo teve de ir até Recife para realizar o abortamento. Na ocasião, a extrema-direita, liderada por parlamentares evangélicos, foram até a maternidade e tentaram invadir o local. O evento contou até mesmo com o apoio da Igreja Católica. Por causa da tradição do Cisam em defender os direitos das mulheres, a extrema-direita diz que Recife estaria se tornando a “capital da morte”.

Ao mesmo tempo que a extrema-direita tem se mobilizado para inviabilizar o funcionamento do Cisam, o governo federal, por meio de portarias e uma série de sabotagens, está também tentando destruir o Cisam, bem como todos os hospitais no Brasil que realizem o aborto. Para tentar driblar a sabotagem do Estado, que tem a obrigação de fornecer todas as condições para que as mulheres de todo o País abortassem quando quisessem, a direção do Cisam decidiu lançar uma campanha para conseguir apoio da sociedade.

É preciso completar a campanha com uma ação nas ruas pela derrubada do governo Bolsonaro e pelo direito pleno ao aborto para as mulheres. Assista aqui ao vídeo de Olímpio Moraes pedindo apoio para o Cisam.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas