Trabalhadores
ANTB diz que greve marcada para 1º de fevereiro já teria grande adesão dos caminhoneiros autônomos. Problema principal é o preço do diesel.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
greve-caminhoneiros-2018
Greve dos caminhoneiros em 2018 | Foto: Miguel Schincariol/AFP

O presidente da Associação Nacional do Transporte Autônomos do Brasil (ANTB), José Roberto Stringasci disse, nesta quarta-feira (13) em entrevista à TV, que 70% da categoria estaria apoiando uma greve prevista para 1º de fevereiro.
O preço do diesel é o principal motivo para a greve. Além disso, outras reivindicações da greve de 2018 não foram atendidas e também fazem parte de uma lista de exigências ao Governo Federal.
Stringasci criticou a política de preços de combustíveis adotada após o golpe de 2016. “A Petrobras não foi criada para gerar riqueza para meia dúzia, a Petrobras é nossa e tem que ajudar o povo brasileiro e o Brasil”, afirmou Stringasci.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas