Assim começou o carnaval em BH: “Nós queremos gritar contra o genocídio da população negra”

carna bh

O primeiro bloco de carnaval a agitar Belo Horizonte na manhã do sábado, dia 2, foi o Então, Brilha!, que levantou palavras de ordem como “nossas vidas importam” e “Marielle presente”, repetidas por cerca de 100 mil pessoas que acompanharam o bloco:

“Nós queremos gritar contra o genocídio da população negra, porque também importamos e merecemos viver. Marielle, Presente”, disse um dos integrantes do bloco.

“Gente é pra brilhar, não é pra ficar debaixo de lama”. Depois de declarar essa frase, um minuto de silêncio foi dedicado às vítimas de Brumadinho.

Haviam vários cartazes e faixas criticando a Reforma da Previdência, exigindo o Fora Bolsonaro e a Liberdade de Lula pelo percurso pelo qual o bloco passava. Além disso, a frase mais popular desse carnaval: “Ei, Bolsonaro, vai tomar no c*”, foi repetida em coro por aproximadamente 400 mil pessoas, como mostra vídeo que pode ser visto no canal do youtube do PCO.

Cláudia Duarte diz que frequenta o carnaval de BH há 8 anos: “desde que haja respeito à diversidade, esses gritos de ordem vão acontecer. O Carnaval de Belo Horizonte é político”, disse a professora.

Juliana Pereira é uma camareira de São Paulo que estava passando seu primeiro carnaval em BH: “Acho interessante porque aqui as pessoas protestam até contra a previdência enquanto se divertem. Isso faz da festa ainda melhor. Estou amando” comentou.

Está claro que a opinião do povo está inclinada à esquerda, as palavras de ordem de “Fora Bolsonaro” e “Liberdade para Lula” estão tomando conta da maior festa popular do Brasil, por isso é importante sair para as ruas e intensificar cada vez mais o sentimento popular contra o golpe e o regime golpista, contra o Bolsonaro e a favor da liberdade de Lula, afinal se tem algo que a direita, o fascismo e o imperialismo não podem derrotar, a exemplo da Venezuela, é o povo indignado saindo nas ruas.

Já dizia a música de Wilsom das Neves: O dia em que o morro descer e não for carnaval…