Contra a rapinagem
O presidente da Comissão de Política Externa da Assembleia Nacional da Venezuela, Timóteo Zambrano, criticou duramente a política do imperialismo no continente

Por: Redação do Diário Causa Operária

O presidente da Comissão de Política Externa da Assembleia Nacional da Venezuela, Timóteo Zambrano, qualificou hoje o bloqueio dos Estados Unidos contra seu país como um crime de extermínio.

Afirmou hoje que o bloqueio dos EUA à Venezuela é um crime de extermínio, instituído pelo Tribunal Penal Internacional (TPI).

Durante entrevista concedida a uma estação de televisão privada e revista pela Venezolana de Televisión, o deputado do partido oposicionista Cambiemos Movimiento Ciudadano, assegurou que o Tribunal Penal Internacional (TPI) reconhece este crime no artigo sétimo do Estatuto de Roma.

Ele lembrou que as medidas coercitivas e unilaterais de Washington incluem a imposição de condições de vida, como a privação de acesso a alimentos e medicamentos, entre outras destinadas a causar a destruição da população, e instou o novo governo dos Estados Unidos a suspendê-las.

‘Chegou a hora em que os Estados Unidos terão que se atualizar com assuntos pendentes como este. Creio que a tendência mundial é precisamente, mesmo no âmbito desta pandemia, suspender qualquer sanção que seja um obstáculo à resolução destes problemas ”, sublinhou.

Ele garantiu que a maioria dos venezuelanos rejeita as sanções contra o país, por ser um assunto que preocupa a todos.

Na véspera, a vice-presidente executiva, Delcy Rodríguez, destacou que as medidas impostas durante o governo de Donald Trump tiveram um impacto negativo sobre a produção nacional de petróleo (principal item exportável do país) e causou a perda de receita bruta da ordem de 102,5 bilhões de dólares.

Na apresentação do Relatório e Contas do Gabinete Executivo perante a Assembleia da República, o alto funcionário assegurou que o volume de perdas ascende a dois milhões de 153 mil barris, sendo o país vítima de uma guerra económica sem paralelo na história.

Send this to a friend