Menu da Rede

“Censura não muda a situação da mulher na sociedade”

  • Capa
  • Artigo
  • Justiça de São Paulo decide despejar Acampamento Marielle

Valinhos

Justiça de São Paulo decide despejar Acampamento Marielle

Justiça burguesa passa por cima das próprias leis quando a motivação é prejudicar famílias de trabalhadores.

Acampamento Marielle Vive ameaçado de um despejo criminoso por parte dos golpistas – Foto: Divulgação

Receba o DCO no Email

O Tribunal de Justiça (burguesa) de São Paulo, na última terça-feira (21), decidiu manter a ação de despejo de 450 famílias do acampamento Marielle Vive, em Valinhos, no interior de São Paulo. A própria “Justiça” não cumpre a lei. Estavam impedidos despejos durante a pandemia de COVID-19, mas os golpistas não ligam para a classe trabalhadora. A Lei 14.216/21 que foi promulgada pelo Congresso em outubro, suspende remoções forçadas até 31 de dezembro deste ano. Ou seja, além de deixar centenas de famílias sem ter onde morar, o Estado ainda as expõem ao contágio por Covid e, com isso, enfrentarem o risco de morte.

Após muitos anos abandonada, a fazenda Eldorado Empreendimentos Imobiliários, de 130 hectares, foi ocupada em abril de 2018. Nesse período, as famílias começaram uma produção agroecológica e horta coletiva e fundaram uma escola, a Escola Popular Luís Ferreira, nome dado em homenagem a ‘Seu Luís’, um pedreiro da comunidade que foi assassinado em julho de 2019 durante um protesto pacífico no qual reivindicavam o direito à água. Seu assassino, que o matou atropelado com uma caminhonete, Leo Ribeiro, responde ao crime em liberdade. Apesar de ter sido localizado e preso em flagrante, foi solto no mesmo dia do Centro de Detenção Provisória de Hortolândia. É curioso, pois no Brasil as prisões estão abarrotadas de pessoas que sequer foram julgadas.

A liberação de um assassino de sem-terra nem chega a ser novidade no Brasil. Apenas 6% dos casos de assassinato no campo são investigados quando há fazendeiros envolvidos. Portanto, essa é uma política de Estado, uma verdadeira licença para matar.

A fazenda Eldorado não cumpria qualquer função social, era totalmente improdutiva e com seu solo se degradando. Estava ali apenas em nome da especulação imobiliária. As famílias que ocuparam o terreno a transformaram em campo produtivo, doava alimentos saudáveis, além de comercializar cestas de produtos ecológicos, artesanato e agora podem perder a vida digna que com tanto sacrifício construíram.

BolsoDoria

O governador João Doria é inimigo do povo, por isso é repudiado e não foi aceito nas manifestações do Movimento Fora Bolsonaro, apesar do esforço de setores frente-amplistas infiltrados no movimento para colocar a direita ‘democrática’ nos atos. Não tem como fazer frente com um governador que se elegeu colando a própria imagem à de Bolsonaro. Trata-se de um fascista ‘arrependido’. Que em toda a oportunidade despeja sua crueldade contra a população.

É preciso que se crie um grande ato para denunciar mais essa atrocidade do Estado burguês contra as massas populares. O direito à terra tem que ser defendido, é preciso acabar com os latifúndios e com os rentistas que vivem da especulação. É preciso impedir o despejo de camponeses, todas as pessoas têm direito a uma vida digna e isso só conquistaremos enfrentado a burguesia e suas instituições, como a Justiça, que só é justa no nome, pois para prejudicar os trabalhadores não se incomoda em passar por cima das próprias leis.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Outros

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.