Menu da Rede

Queima de estátua não tem nada a ver com o movimento popular

O que querem esconder?

A garganta profunda e a democracia no nosso movimento

As reuniões do movimento Fora Bolsonaro devem ser públicas, não secretas

Ato do dia 19 de junho na Avenida Paulista – Foto: Geisa Marques

Coluna de ontem (14) do jornal reacionário O Estado de S. Paulo vaza informações de reunião dos organizadores do movimento pelo Fora Bolsonaro, acusando o PCO de vazar informações (!).

Trata-se de um ataque ao que um companheiro da direção nacional do Partido, Rafael Dantas, publicou em sua conta de Twitter, acompanhando minuto a minuto a reunião da Frente Brasil Popular, da qual ele participou e da qual o PCO é membro permanente.

A reunião ocorreu na terça-feira (06). O Estadão critica o PCO por ter publicizado o conteúdo da reunião. Utiliza um integrante da frente, Raimundo Bonfim (CMP), para atacar o PCO, dizendo que o Partido cumpre o papel de um espião nas reuniões.

Devemos perguntar: a reunião que discute e decide os rumos de um movimento de milhões de pessoas por acaso é secreta? Quem deu o direito aos organizadores de ser secreta essa reunião, que interessa à ampla maioria do povo brasileiro? O PCO, como integrante do movimento, não apenas tem o direito mas o dever de publicizar o que está sendo discutido, de dar transparência ao debate e de informar a todo o movimento o que está acontecendo.

Parte dos organizadores, no entanto, entende que essa reunião dos representantes do povo deveria ser uma reunião fechada a sete chaves. O povo não deveria ter o direito de saber o que está sendo decidido, deveria ficar à revelia do movimento.

E mais: o povo só pode ser informado pela imprensa burguesa. O PCO, que participa do movimento, não pode “vazar” o conteúdo das reuniões, mas a Folha de S.Paulo, o Estadão e O Globo, que são inimigos do movimento, podem. Que grande contradição!

O que temos visto é algum (ou alguns) membro(s) do movimento, que participa(m) das reuniões, vazar(em) informações para a imprensa burguesa, da mesma forma que fazia um informante da imprensa burguesa norte-americana dentro do governo de Richard Nixon, personagem misterioso que ficou conhecido como “garganta profunda” em alusão cômica a um filme pornô da época.

Ainda, esses vazamentos do garganta profunda da esquerda pequeno-burguesa para a imprensa são totalmente enviesados: não se vaza todo o conteúdo, que é de interesse público, mas apenas o que interessa à política da burguesia. Por exemplo, foi vazada recentemente uma informação de que o PCO poderia ser expulso do movimento, embora não tenham chamado o PCO sequer para discutir o assunto. O que temos claramente no movimento é um ou mais espiões e eles estão a serviço da burguesia para sabotar e destruir o movimento.

O papel que o PCO cumpre ao publicizar as reuniões é o de impedir que as decisões sejam tomadas à revelia e escondidas do público, do povo, dos trabalhadores. É uma ação para democratizar as reuniões, que deveriam ser oficialmente públicas e contar com a participação massiva de todos aqueles que participam do movimento pelo Fora Bolsonaro.

Por isso o PCO luta e exige dos membros da coordenação do movimento que sejam realizadas plenárias abertas, presenciais, estaduais, municipais, com transmissão ao vivo na Internet e chamado a toda a população oprimida a participar em um debate real, no qual todos possam apresentar suas posições e opiniões para que sejam discutidas e decididas democraticamente.

O movimento não pode de maneira nenhuma ser controlado por meia dúzia de “iluminados”. Isso não é um DCE, um centro acadêmico ou o Clube de Bilderberg. É o interesse de milhões de pessoas que está em jogo. Democracia e transparência no movimento, já!

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores
O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.