“Aqui é Bolsonaro!”, gritaram membros de torcida organizada enquanto agrediam estudante com boné do MST na UFPR

ufpr1

Da redação – Um estudante da Universidade Federal do Paraná (UFPR) foi brutalmente violentado em frente o campus na noite desta ter;a-feira (9). Segundo relatos a agressão veio de membros de uma torcida organizada que gritavam: “Aqui é Bolsonaro!”.

O estudante teria sido atacado por conta de estar utilizando um boné do MST, sofrendo lesões na cabeça, causadas pelos ataques com garrafas de vidro, e, as informações ainda dão conta de que houve depredação à Cada da Estudante Universitária de Curitiba (CEUC), que teve vidros quebrados como também podemos ver nas imagens. A página de facebook do DCE da UFPR fez a denúncia.

A política de enfrentar o fascismo nas urnas não tem resultado, sendo a forma errada de colocar a questão para os trabalhadores enquanto grupos fascistas se sentem a vontade para agredir trabalhadores e estudantes nas ruas. É preciso organizar Comitês de Auto-defesa para o enfrentamento e derrota desses grupos.