Protestos nos EUA
Os protestos desencadeados após a morte de Gerge Floyd nos Estados Unidos chegam a uma semana, se espalhando poa mais de 75 cidades. Governo e polícia tem reprimido a população
protestos_eua
Protestos EUA | Foto: Reprodução

A população dos EUA intensifica a luta no país e mantêm os protestos contra a polícia e sua perseguição contra os negros. Hoje se completa uma semana da morte de George Floyd, assassinado por quatro policiais na cidade de Minneapolis, no estado de Minnesota.

Os protestos se espalharam por 75 cidades, demonstrando como a população dos Estados Unidos tem capacidade de reagir frente os ataques do estado burguês. Além da perseguição aos negros e aos pobres em geral, a população do país tem sofrido com a pandemia do COVID-19, que já matou mais de 100 mil pessoas no país, mesmo sendo o país mais rico do mundo. Mais de 40 milhões de pessoas estão desempregadas nos Estados Unidos.

A polícia tem reagido com estrema violência contra a população, deixando 5 mortos até agora. O governo de Trump promete reprimir ainda mais os manifestantes, taxando os antifascistas de terroristas, colocando a Guarda Nacional nas ruas com tanques de guerra para combater a população e estabelecendo toques de recolher.

Os EUA demonstram que nunca foram uma democracia, mas sim, a maior ditadura do mundo, que persegue os negros, os pobres, os trabalhadores, os latinos, os árabes e etc. A população do país precisa intensificar a luta.

Relacionadas
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments