O fascista e o liberaloide
O apoio dos “progressistas” à lava-jato faz parte da mesma política de frente ampla com a direita golpista inimiga dos trabalhadores
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Rio de Janeiro - O cantor Caetano Veloso e o juiz Marcelo Bretas durante ato de artistas, juízes federais, políticos e procuradores da força tarefa da Operação Lava-Jato, em apoio ao juiz (Fernando Frazão/Agência Brasil)
Caetano Veloso e Marcelo Bretas em "ato" de apoio ao juiz golpista e à lava-jato | Foto: reprodução

Na última sexta-feira (9), o juiz golpista, Marcelo Bretas, que em meio ao golpe de Estado chegou a ser defendido por setores da esquerda por sua atuação na lava-jato, participou de evento no qual fez declarações em apoio a Bolsonaro e a própria operação Lava Jato, escancarando ainda mais sua posição não só direitista mas também fascista dentro da situação política. Bretas chegou a afirmar até mesmo que a eleição de 2018 foi resultado do “combate à corrupção” promovido pela Lava Jato, o que é uma falsificação. Recentemente o juiz também participou de um outro evento, um jantar com a presença do próprio Bolsonaro.

O caso de Bretas é um retrato de como determinados ramos ditos progressistas e de esquerda defendem a políticas extremamente reacionárias e antidemocráticas e contrárias aos interesses da classe trabalhadora como a Lava Jato, o golpe de Estado, a censura, a repressão, etc. Bretas é um dos nomes mais fortes da operação fraudulenta que preparou o golpe de Estado da direita contra a ex presidenta Dilma em 2016 e colocou Bolsonaro no poder com a prisão arbitrária do ex presidente Lula para impedi-lo de participar das eleições.

O lado de Bretas neste sentido sempre esteve muito bem definido, como um representante legítimo da burguesia inimiga do povo e que controla todo o aparato do Estado burguês desde o Legislativo até o Judiciário o qual o juiz Marcelo Bretas integra. A operação Lava Jato, um dos maiores feitos do judiciário no golpe, foi encomendada pelo imperialismo para intervir no Brasil para atender seus próprios interesses e esmagar ainda mais a classe trabalhadora e isto nunca foi uma novidade, desde o início denunciamos a operação como a fraude que realmente é.

Insinuar que a vitória de Bolsonaro foi resultado de uma “mudança de comportamento” da população devido ao combate à corrupção é mais uma farsa de Bretas, uma vez que ele como parte da Lava Jato sabe que a operação é uma verdadeira fraude montada para dar um golpe de Estado contra o povo.

A esquerda e vários setores ditos progressistas, em uma política completamente capituladora e direitista, resolveram apoiar não só a Lava Jato facilitando o golpe da direita, como também apoiar pessoalmente figuras repugnantes como o Juiz da operação. Vale lembrar que em 2017 em pleno golpe de Estado, que inclusive já havia derrubado o PT da presidência, representantes destes setores, desde senadores como o deputado Alessandro Molon (Rede), até artistas como Caetano Veloso, se uniram a juízes e procuradores em uma espécie de manifestação em apoio a Bretas com a presença do próprio, o que não se dispuseram a fazer por exemplo para lutar contra o golpe, que na verdade tem na Lava Jato um de seus pilares.

Caetano Veloso, que apoiou Bretas e a Lava Jato, agora faz shows para as campanhas eleitorais de Boulos (Psol) e Manuela (PCdoB) que embora sejam de partidos da esquerda estão longe da luta política dos trabalhadores com campanhas completamente regidas e submetidas à burguesia com a mesma política de frente ampla com a direita golpista inimiga dos trabalhadores adotada pelos apoiadores “progressistas” de Marcelo Bretas.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas