Menu da Rede

Crise interna?

Alckmin deixa coordenação da campanha eleitoral de Covas em SP

Alckmin afirma que está deixando o cargo para poder cuidar de sua defesa, após denúncia de corrupção, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica

Tempo de Leitura: < 1

Tucano em apuros – Foto: Reuters

Publicidade

 O ex-governador tucano de São Paulo, o golpista Geraldo Alckmin (PSDB), decidiu deixar a coordenação da campanha pela reeleição do prefeito da capital Bruno Covas (PSDB), após ser denunciado pelo Ministério Público de São Paulo pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica eleitoral no âmbito da operação Lava Jato.

Covas disse que Alckmin pediu para deixar coordenação da campanha para poder se dedicar a elaborar sua defesa. “Ele mesmo pediu para que possa se focar na sua defesa para se afastar da campanha, pediu que entendesse esse momento, pediu o desligamento da coordenação do programa de governo e a gente deseja todo o apoio a ele nesse momento”, disse o atual prefeito em entrevista coletiva nesta quinta-feira (23).

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Populares na Rede
[wpp range="last24h" limit="3"]
NA COTV

Trótski: vida e obra | Curso completo (35ª Universidade de Férias do PCO)

1.5K Visualizações 12/06/2021 18:28

Watch Now

Send this to a friend