Menu da Rede

Cria corvos que te arrancarão os olhos

Genocídio do povo brasileiro

Abin estima colapso de UTIs em 10 dias

A política de Jair Bolsonaro pode levar a um colapso já nos próximos 10 dias no Brasil. É necessária a derrubada do governo e uma série de medidas para impedir um genocídio

Bolsonaro não está preocupado com um genocídio no Brasil –

A Agência Brasileira de Inteligência (ABIN) realizou um estudo sobre o coronavírus no Brasil e no mundo. Nele é possível observar dados alarmantes sobre a possibilidade de contágio no Brasil. Segundo o estudo, o Brasil pode chegar a ter 8621 mortes nos próximos 10 dias.

As projeções também dão conta de que nos próximos 10 dias já haja o colapso das Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) no país. As UTI são de extrema importância, pois são a única esperança de sobrevivência para aqueles que contraírem o estágio mais avançado da doença, já que a respiração nesses casos só pode se dar através de um respiratório artificial.

O estudo baseia-se na ideia de que será necessária a utilização de 17,16% das UTIs somente para os casos de coronavírus em duas semans. Entretanto, entre 80% e 90% das UTIs já estão com sua capacidade máxima em uso (isso sendo bastante otimista, já que os dados do estudo não são precisos no estudo). Sendo assim, antes das próximas duas semanas as UTIs já não poderão receber novos pacientes e, completando os 14 dias, cerca de 7,16% da necessidade de UTIs não será suprida. Nesse caso, é bem fácil de saber que a classe que não terá acesso às UTIs será a classe trabalhadora.

É claro que o estudo se baseia no número de casos que já foram identificados no Brasil. Porém, como vem sendo denunciado por este diário e pela imprensa do Partido da Causa Operária, não estão sendo realizados testes no Brasil, o que indica que o número de casos possa ser bem maior e que o estudo da ABIN esteja sendo muito otimista em relação à realidade.

Além disso, mais uma vez Jair Bolsonaro demonstrou que não está interessado em salvar a vida da população. O presidente fascista deu um pronunciamento no qual a pandemia foi minimizada, ordenando que todas as atividades que haviam sido paralisadas deveriam retornar.

Os interesses de Bolsonaro e todos os golpistas estão alinhados aos capitalistas, como o dono do Giraffas e do Madero, que não querem perder dinheiro para salvar a vida da população. A única solução para que o país não sofra um genocídio, passando pela maior catástrofe de sua história, é a de retirarmos o presidente fascista e todos os golpistas, exigindo um programa que vá desde o investimento imediato em UTIs e equipamentos, como a intervenção na indústria para que os fabrique, assim como a garantia de emprego, a redução da jornada de trabalho, a paralisação de tudo que não seja essencial a suspensão da cobrança de contas e tudo mais que seja necessário para salvar a vida da população.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores
O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.