Demissões em massa na pandemia
Governador autoriza empresas a aumentar a exclusão e demissão de cobradores, utilizando a pandemia como argumento fajuto.

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, autorizou as empresas de Transporte coletivo do Estado a demitirem em massa cobradores, permitindo que os ônibus rodem somente com o motorista em toda a região metropolitana do Recife.

O argumento, como sempre, foi o da crise provocada pela pandemia que reduziu a demanda no setor. Porém, no primeiro semestre de 2019 cerca de 15% das linhas já estavam circulando sem cobrador, desde então o percentual vem subindo, assim como as demissões, acelerando nos últimos meses marcados pela pandemia do coronavírus.

O que deixa claro que, demitir os trabalhadores é uma escolha dos empresários, que querem desde sempre reduzir custos e aumentar os lucros, às custas dos trabalhadores e são apoiados pelos governantes.

Relacionadas
Send this to a friend