A política dos golpistas é matar os estudantes de fome: Restaurante Universitário da UFPE é fechado

ru-desativado

O Restaurante Universitário (RU) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) estava passando por problemas de infraestrutura desde o começo de março, os funcionários terceirizados do restaurante estavam com o salário de fevereiro atrasado e havia um problema com o sistema hidráulico do local.

O RU foi fechado desde o dia 18 de março para reformas e tinha sua reabertura marcada para o dia 2 de abril, mas foi adiado para o dia 16 por conta de atrasos nas obras.

“Quando a obra começou, percebemos que as condições eram piores do que as que tínhamos diagnosticado inicialmente. No telhado, os danos eram muito maiores. A rede elétrica também estava complicada e havia muitas infiltrações”, explica a pró-reitora de assuntos estudantis da UFPE, Ana Cabral.

A política dos golpistas é atacar os estudantes e todas as suas conquistas. O RU tem capacidade para 550 alunos e normalmente oferece 500 cafés da manhã, 3 mil almoços e 1.500 jantares, as três refeições custam 3 reais cada para estudantes bolsistas e são gratuitas para estudantes que participam do programa Moradia, agora todos esses estudantes precisam procurar outro lugar para comer, onde alguns chegam a gastar até 50 reais por semana apenas no almoço.

É necessário lutar contra essas políticas de sucateamento da educação pública, ela é apenas um pretexto para a privatização do ensino público e para a expulsão da população pobre das universidades.

Fora Bolsonaro! Liberdade para Lula!