Nada comprovado
Estado operário permanece livre da pandemia que matou mais de um milhão de pessoas
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
coreia
Bandeira da Coreia do Norte | Foto: Reprodução
Os milhares de testes realizados na República Popular Democrática da Coreia (RPDC) para detectar o SARS-CoV-2 causando a Covid-19 estão mostrando resultados negativos, disse o representante da OMS aqui hoje, Edwin Ceniza.
De acordo com a fonte em Pyongyang desde o início de janeiro 31.163 pessoas foram liberadas da quarentena profilática, incluindo 382 estrangeiros residentes no país.

Ele acrescentou que desde o dia 17, um total de 610 pessoas, todas norte-coreanas, foram mantidas isoladas em centros especialmente equipados, sem refletir nenhum sintoma do Covid-19.

Ele confirmou que as fronteiras internacionais na RPDC estão fechadas há quase 250 dias e que somente os carregamentos relacionados ao Covid-19 entram no país através do posto fronteiriço da Ponte da Amizade, que liga a cidade industrial norte-coreana Sinuiju com a cidade chinesa de Dandong.

Ceniza lembrou que a rota marítima entre Nampho, 58 quilômetros a sudoeste da capital, e o porto chinês de Dalian ainda não está operando. Esta ação faz parte das decisões do chamado Comitê de Estado Emergente contra o Covid-19, encabeçado pelo Presidente Kim Jong Un.

De acordo com a OMS, quase 188 países em todo o mundo relataram casos de infecção pelo SARS-CoV-2 e as regiões de Palau, Micronésia, Ilhas Marshall, Nauru, Kiribati, Ilhas Salomão, Tuvalu, Samoa, Tonga, Vanuatu e a RPDC permanecem livres da pandemia.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas