A contragosto da direita, líder de Camdomblé assume Acadêmia de Letras
admin-ajax (1)
A contragosto da direita, líder de Camdomblé assume Acadêmia de Letras
admin-ajax (1)

Walmir Damasceno dos Santos Taata Kwa Nkisi Katuvanjesi é Coordenador Geral do Instituto Latino Americano de Tradições Bantu (ILABANTU) e representante para as Américas do Centro Internacional das Civilizações Bantu (CICIBA) e será empossado na Academia de Ciências, Letras e Artes de São Paulo (ACLASP). Comentou Walmir Damasceno:

Na oportunidade estarei sendo empossado como imortal e ocuparei a cadeira número 8 – Solano Trindade, o que muito me honra, além de ser o primeiro dirigente de Comunidade Tradicional de Matriz Africana (Pai-de-Santo de Candomblé Kongo Angola), preto, pobre, o primeiro makumbeiro a integrar a referida Academia.

Tal fato é interessante pelo fato de Walmir ser um macumbeiro e estar ingressando em uma academia tão burocrática. Perseguido na época da ditadura pelo coronelismo ainda presente no nordeste, Walmir, que também atende pelo nome de Taata Kwa Nkisi Katuvanjesi, é natural de Barra do Rocha, no sul da Bahia, e sacerdote do terreiro Ilabantu/Nzo Tumbansi, no município paulista de Itapecerica da Serra.

Taata Kwa Nkisi Katuvanjesi é descendente de angolanos e foi iniciado a cultura africana desde cedo, assim como a da comunicação, a qual se apaixonou, trabalhando em várias rádios e jornais ao longo de sua vida.

Cerimônia de posse dos novos membros da ACLASP:

Quando: 20 de agosto de 2019.

Horário: 19h.

Local: Assembléia Legislativa de São Paulo – Auditório Teotônio Vilela, 1º andar – Ibirapuera, São Paulo/SP/Brasil.

Sítio do terreiro Ilabantu/Nzo Tumbansi: www.inzotumbansi.org

Sítio do Centro Internacional das Civilizações Bantu: www.cicibabantu.org

Veja a entrevsta de Walmir Damasceno ao Uzwela, o programa sobre cultura da COTV: https://www.youtube.com/watch?v=2Pl9EO5VIpQ