A campanha de Liberdade de Lula tem que exigir a anulação dos processos

IMG-20190501-WA0064

A Análise Politica da Semana é análise dos acontecimentos políticos do Brasil e do mundo, proferida pelo presidente do Partido da Causa Operária, Rui Costa Pimenta , que comenta aspectos relevantes e de conjunto dos fatos políticos que ocorrem no mundo e no Brasil. Dando seguimento, vejamos a análise ocorrida no dia 27 de abril de 2019 sobre a campanha de liberdade de Lula com a exigência da anulação do processo.

“Uma coisa que se exige, que a campanha em defesa de Lula levante o problema da anulação do processo. Isso já foi analisado por muita gente, muitos advogados e juízes e tudo mais que colocaram que os processos são totalmente absurdos. É necessário exigir a anulação desses processos, logicamente que nós sabemos  que a política da burguesia não é condenar Lula em apenas um processo , pelo contrário, a política da burguesia é condená-lo no maior número possível de processos, para impedir que ele não só volte  a ser candidato, eventualmente, mas também, isso daí ficou claro no processo, que ele tenha uma participação ativa na vida politica do país.

Algumas pessoas já calcularam aí, que mesmo com a redução da pena o Lula só seria elegível para 2035, quando ele já estivesse beirando os cem anos de idade, mesmo que ele fosse solto antes e tudo mais, devido à famosa lei da ficha limpa, lei essa que foi na época, sempre é bom lembrar isso para que não caia no esquecimento, apoiada entusiasticamente pela esquerda nacional inclusive pelo próprio PT como um meio de moralização da politica nacional.”