Futebol para a burguesia
A Confabulação de cartolas e capitalistas quer cada vez mais retirar a população pobre dos estádios, tornando o futebol um espetáculo para torcedores “ilustres”.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
estadios-mundo-maraca-1280x720
Estádios de futebol. |

A popularidade do futebol no Brasil e no mundo se deu pelo fato que em um curto processo social, esse esporte passou a ser apreciado e estimado pela classe trabalhadora, que lota os estádios e que é apaixonada pelos seus clubes de coração. A burguesia cada vez mais vem se apropriando desta paixão nacional, e tornando essa devoção em lucro.

De maneira oportunista, usando a crise da saúde quer aprofundar o plano de tirar de vez o povo dos estádios e torna o futebol um espetáculo para poucos dentro dos estádios. Com alegação que estava preocupada com a segurança nos estádios diminuiu a capacidade dos grandes estádios brasileiros, tornando-os arenas com ingressos com preços exorbitantes afastando os torcedores de baixa renda.

Outro pretexto usado foi à violência das torcidas organizadas, não entrando no mérito, mas é algo que esta sendo usado de maneira leviana para afastar as torcidas dos estádios. Os canais de pay-per-view, que tornam a audiência do expectador de futebol pobre algo mais difícil, inclusive no bares que transmitem os jogos pelo pay-per-view, a população precisa consumir nestes bares para poder assistir aos jogos, ou seja, cada vez mais e retirada da população o direito de exercer sua paixão pelo futebol.

Agora em tempos de coronavírus, o plano maculoso continua, algumas confederações de futebol, utilizando a justificativa do isolamento social lançam suas formas de afastar os torcedores dos estádios, na Dinamarca um clube da primeira divisão local instalou telões no estacionamento do seu estádio e vai pedir autorização às autoridades locais para que os torcedores possam assistir aos jogos de dentro dos seus carros, de modo a manter o distanciamento necessário devido à pandemia de Covid-19.

A UEFA – entidade máxima do futebol Europeu onde estão as principais ligas do mundo, as mais lucrativas, informou que vai se reunir com os clubes para analisar a situação dos campeonatos parados, tudo indica que os clubes vão voltar com estádios vazios, e assim os clubes terão que articular novos meios para que as torcidas possam acompanhar o jogos,  de maneiras excludentes e mais caras.

No Brasil varias federações e seus principais times de futebol, pressionados pelos grandes patrocinares e a redes de transmissão dos jogos, que são os principais responsáveis por essa privatização do futebol brasileiro, preparam a volta dos campeonatos sem publico nos estádios.

O plano é usar a crise de saúde como pretexto para retirar torcedores  dos estádios e cada vez mais tornar o futebol algo para poucos e mais caro, que população pobre tenha que pagar preços altos  por ingressos e por essas alternativas mirabolantes para poder ver o jogos . Precisamos lembrar que esse é o desejo dos capitalistas e dos cartolas. Retirar o povo, aumentar absurdamente os ingressos. Tudo indica que quando a normalidade for retomada, eles vão aprofundar essa política com base na experiência desses campeonatos sem torcida durante a pandemia, para aumentar de maneira exponencial seus lucros.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas