Explosão: presente de Israel?
Tudo indica que o imperialismo tem todo interesse em usar a situação para controlar o Líbano
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
libanoprotestos
A máscara do Anonymus nos protestos no Líbano | Foto: Aziz Taher/Reuters

Em meio ao caos provocado pela imensa explosão ocorrida no porto de Beirute, capital do Líbano, o primeiro ministro, Hassan Diab, propôs a antecipação das eleições como forma de arrefecer o descontentamento da população com a “corrupção” do governo Libanês.

Até o momento não se sabe ao certo as causas da explosão no porto de Beirute, no entanto grupos se adiantaram em acusar o governo pelo ocorrido, um desses grupos é formado por militares da reserva, que estão participando ativamente dos protestos, grupos esses que não se pode chamar com 100% de certeza de: “povo libanês”.

A destruição causada pela explosão acentuou a já delicada situação econômica do país, que vem sendo afetada pelo embargo econômico americano que impediu que o país receba ajuda de países como Irã. Cabe ressaltar que bem antes da explosão o Líbano já sofria com o desabastecimento de itens essenciais para a população.

Nessa disputa as forças imperialistas na região vem estrangulando a economia, e por outro lado, o nacionalismo local, representado por diversos grupos religiosos e étnicos, tenta ganhar apoio político para salvar o país de uma intervenção externa.

Nesse contexto, os países imperialistas liderados pelos Estados Unidos e França, tentam já há bastante tempo colocar as milícias tais como o Hezbollah e toda e qualquer força nacionalista, para fora do cenário político Libanês.

É preciso esperar os próximos acontecimentos, mas tudo indica que o imperialismo tem todo interesse em usar a situação para controlar o Líbano. A proposta de antecipar as eleições se enquadra neste cenário.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas