Segundo Henrique Meirelles
Secretário de Fazenda e Planejamento indica que quarentena responde por 27% das perdas na economia paulista
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
avenida-radial-leste-em-sao-paulo-1588372747411_v2_1920x1080
Foto: Arquivo/DCO |

Da Redação – 73% da retração na economia em São Paulo não é decorrente da paralisação das atividades mas da pandemia, segundo o secretário estadual da Fazenda e Planejamento Henrique Meirelles, em balanço divulgado nesta segunda, 11 de maio.

“Podemos verificar que 27% da perda do PIB é afetado pela quarentena sim. Mas as avaliações mostram que, mesmo que não tivesse a quarentena, estes setores seriam afetados e estão afetados pela pandemia. Por exemplo, diversos setores que não estão afetados pela quarentena, estão sim sofrendo grande queda de atividade. Isso é prova concreta de que 27% de queda do PIB na verdade não se deve apenas ao efeito da pandemia. Tem alguma coisa da quarentena também. Mas a quarentena é apenas uma parte da queda de 27% do PIB”, falou Meirelles.

Em quarentena desde 24 de março, a perspectiva é de que São Paulo permaneça, pelo menos, até 31 de maio.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas