Segundo Henrique Meirelles
Secretário de Fazenda e Planejamento indica que quarentena responde por 27% das perdas na economia paulista
avenida-radial-leste-em-sao-paulo-1588372747411_v2_1920x1080
Foto: Arquivo/DCO |
avenida-radial-leste-em-sao-paulo-1588372747411_v2_1920x1080
Foto: Arquivo/DCO |

Da Redação – 73% da retração na economia em São Paulo não é decorrente da paralisação das atividades mas da pandemia, segundo o secretário estadual da Fazenda e Planejamento Henrique Meirelles, em balanço divulgado nesta segunda, 11 de maio.

“Podemos verificar que 27% da perda do PIB é afetado pela quarentena sim. Mas as avaliações mostram que, mesmo que não tivesse a quarentena, estes setores seriam afetados e estão afetados pela pandemia. Por exemplo, diversos setores que não estão afetados pela quarentena, estão sim sofrendo grande queda de atividade. Isso é prova concreta de que 27% de queda do PIB na verdade não se deve apenas ao efeito da pandemia. Tem alguma coisa da quarentena também. Mas a quarentena é apenas uma parte da queda de 27% do PIB”, falou Meirelles.

Em quarentena desde 24 de março, a perspectiva é de que São Paulo permaneça, pelo menos, até 31 de maio.

Relacionadas
Send this to a friend