Em boa hora
As forças ocultas apagaram 500 mil registros de óbitos o Portal da Transparência do Registro Civil. Pesquisadores usavam o sistema para estimar as mortes por Coronavírus no Brasil
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
cemiterio-manaus-foto-alex-pazuello-semcom-3
Cemitério Público Nossa Senhora Aparecida, em Manaus Foto: Alex Pazuello/Semcom |

Segundo a folha de São Paulo, mais de 500 mil registros de óbitos foram excluídos do Portal da Transparência do Registro Civil, uma base de dados alimentada pelos cartórios. O sistema estava sendo usado pela imprensa e por pesquisadores da Fio Cruz para, na ausência de testes, estimar o número de mortes pelo coronavírus. A misterioso “sumiço” dificultará a análise do impacto da Covid-19, pois, sem os dados, não há como comparar com as mortes dos anos anteriores e nem tampouco estimar o número de mortos de 2020.

Somente o Rio de Janeiro, um dos estados mais afetados pela pandemia, perdeu 71% das ocorrências de 2016, 2017 e 2018.

São as forças ocultas agindo em prol de esconder a tragédia que do Coronavírus no Brasil.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas