Crise dos golpistas: OAB em atrito com Barroso, que defendeu a Lava Jato
barroso
Crise dos golpistas: OAB em atrito com Barroso, que defendeu a Lava Jato
barroso

Da redação – Com o vazamento de informações sobre a Lava Jato, comprovando a farsa da prisão de Lula e da operação, setores da burguesia golpista, principalmente do judiciário, entraram em um maior confronto.

Conselheiros da Ordem de Advogados do Brasil (OAB) pediram para a direção do órgão que interpele o ministro do STF, Luís Roberto Barroso, que sobre o escândalo da “vaza jato” declarou à Globo News que tem “dificuldade de entender a euforia que tomou os corruptos e seus parceiros”.

Advogados estão pedindo para Barroso se esclareça e nomeie os corruptos, em uma clara oposição ao que disse o ministro do STF.

Ocorre que o próximo vazamento de informações surgiu de dentro da burguesia golpista. Um setor, atacado pela Lava Jato, aproveitou a fragilidade do bolsonarismo para atacar a operação, com um escândalo.

A OAB já havia se pronunciado contra a Lava Jato, agora seus conselheiro estão entrando em atrito com Barroso, juiz da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal.