Zumbi dos Palmares
20 de novembro, o dia da luta do povo negro, ensinado por Zumbi dos Palmares, morto pela coroa imperial e lutando em defesa da liberdade do próprio quilombo e da sua liberdade
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Seguir o exemplo de Zumbi para quebrar os grilhões que nos privam de toda a dignidade | Foto: Reprodução

Neste 20 de novembro, o Dia de Luta do Povo Negro, são relembrados os 323 anos da execução do líder negro Zumbi dos Palmares pelas forças repressoras do regime imperial Português. Exemplo de luta para o povo negro e trabalhador brasileiro em plena vigência do golpe de Estado no país.

Os mínimos direitos do povo negro e da classe trabalhadora que foram resultado de séculos de enfrentamento e luta contra os aparatos repressivos do regime, da escravidão ao regime supostamente democrático, passando, ainda, pelo regime militar, estão cada vez mais sendo retirados. Reforma da previdência, reforma trabalhista, terceirizações, retirada de direitos de funcionários públicos, maior número de desempregados da história do país, miséria e milhares de mortes pela contaminação do Covid, o assassinato em massa nas periferias brasileiras pela PM brasileira, dentre todos esses abusos, o povo negro é o que mais sente na pele todos estes ataques. É preciso organizar a luta, seguir o legado de Zumbi, se levantar e lutar.

A importância desta data, especialmente neste ano, em que o golpe de Estado procura se estabilizar através de uma tremenda fraude eleitoral para colocar no isolamento o maior político de esquerda com lastro entre a classe trabalhadora do país, o PT e assim procurar dar estabilidade ao regime fascista, serve para mostrar que é necessária a evolução da organização do povo negro e lembrar que a história de Zumbi uma das primeiras conhecidas em que o negro brasileiro e africano se organizou e lutou contra a repressão. É necessário hoje essa organização para derrotar hoje a casa imperial fascista de Jair Bolsonaro e dos golpistas nacionais e internacionais.

A história deste verdadeiro herói nacional se deu com ele Zumbi dos Palmares, sendo um dos primeiros a se organizar para resistir à altura aos ataques do sistema. Foi Zumbi que liderou o Quilombo dos Palmares contra a repressão da Coroa portuguesa.

A Coroa portuguesa jamais permitiu que negros se organizassem para colocar um ponto final na escravidão (assim como não querem que o povo negro se organize hoje), mesmo que fosse em um único terreno, pequeno diante da extensão territorial brasileira.

Assim se deu uma das maiores histórias de luta dos negros, que foi a resistência de Zumbi e do Quilombo dos Palmares às sucessivas investidas armadas do império português.

Desde então, o negro organiza sua luta de forma independente, sempre em busca de avanços em seus direitos, mesmo que sejam mínimos, como o direito às cotas raciais nas universidades, ou outros mais históricos e elementares, como direito ao voto, o fim da discriminação no trabalho, acesso livre às dependências públicas ou privadas, direito ao ensino etc., todos ameaçados pelo golpe de Estado, assim como a luta pela dissolução da PM, braço sanguinário do Estado contra os negros do país.

O povo negro organizado é um sinal de alerta para todas as forças repressivas do estado capitalista, é uma ameaça para o golpe de Estado.

O 20 de novembro ganha extrema importância neste ano de 2020 pelo necessário caráter organizativo do povo negro e sua luta contra a repressão do regime. Zumbi e tantos outros heróis do povo negro se destacaram na luta pela libertação negra através dos meios que lhes eram possíveis. Dessa forma, o sentido do 20 de novembro ganha um claro contorno de uma luta contra o golpe de Estado, contra a repressão do regime, pois assim tem sido ao longo de todas lutas encampadas pelo negro organizado, ao longo da história mundial. Abaixo o golpe! Pelo direito de autodefesa, pelo armamento do povo, viva Zumbi, viva a luta do povo negro!

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas