1º de março de 1921, começa a Revolta antirevolucionária de Kronstadt, na URSS

a

Cronxtadt (Kronstadt) é uma base naval russa que fica na ilha de Cotlin, na entrada da baía de São Petersburgo. O nome significa “Cidade da coroa” e vem do alemão.

Em 1921 os marinheiros ali locados se revoltaram contra as condições de vida da população, atribuindo a culpa disso aos comunistas (bolcheviques) e não às consequências da guerra civil, que foi uma operação imperialista para destruir o regime operário na União Soviética em seus primórdios.

Trótski apresentou provas de que a revolta já fora anunciada na imprensa francesa duas semanas antes de eclodir e a revolta foi considerada uma ação contrarrevolucionária.

A fortaleza foi retomada pelo governo em 18 de março. Não há dados confiáveis a respeito de baixas, mas as fotos que existem mostram que o contingente de ambos os lados era reduzido, o que fez dos combates algo mais real do que cinematográfico.