14 de junho de 1905: Insurreição no Encouraçado Potemkim

Encouraçadofotocapa

A Insurreição que se deu dentro do Encouraçado Potemkim fez parte da Revolução de 1905 russa, que é conhecida como ponto inicial do processo revolucionário que seria levado a cabo na Revolução de 1917.

No início daquele ano ocorreu o “Domingo Sangrento” que resultou em levantes em toda São Petesburgo devido à repressão total do exército do Czar (reforçado pelos proprietários de terra armados), que cercou e matou cerca de 92 trabalhadores e deixou dezenas de feridos.

Pintura do Domingo Sangrento

Diversas greves iam tomando São Petesburgo, os operários russos pediam melhores condições de trabalho, jornada de oito horas de trabalho, melhoria dos salários e mais: saída da guerra Russo-japonesa e o sufrágio universal.

No mesmo sentido, os marinheiros russos, após uma derrota diante da armada japonesa, começaram a se rebelar contra os oficiais, que tratavam os marinheiros de forma brutal: faltava água, alimento, cuidados médicos.

Com a impossibilidade de conseguirem comer algo bom, o Capitão do Navio decidiu que se não comessem a carne estragada, não comeriam nada.

Havia, porém, militantes revolucionários na tripulação. Afatasy Matiuchenko já havia recebido a autorização para uma insurreição geral da frota do Mar Negro.

O marinheiro Vakulinchuk se aproximou do capitão e protestou contra as condições de vida da tripulação. O Capitão executou o marinheiro. Assim, liderada por Matiutchenko, os amotinados matam o médico e diversos oficiais.

Os amotinados içam a bandeira vermelha da revolução.

O motim serviu de apoio, dias depois, às greves que tomavam conta do país e que estavam sendo duramente reprimidas.

A revolução de 1905 era apenas um grande começo para um enorme desenvolvimento que culminaria na revolução de 1917. Em 1905, os operários “ensaiaram” para a revolução de 1917, em conjunto com as frotas marinas russas.

Não faltam relatos sobre o Encouraçado. O filme de Serguei Eisenstein, é certamente a maneira de apreciar cinema de qualidade sobre um evento de proporções gigantescas.

Pôster de “O Encouraçado Potemkim” de Serguei Eisenstein

Veja o filme aqui